Topo

Geek

Joss Whedon admite que "falhou" e se afasta de filme solo da Batgirl

Chris Pizzello/Invision/AP
O diretor e roteirista Joss Whedon Imagem: Chris Pizzello/Invision/AP

Do UOL, em São Paulo

22/02/2018 17h32

Joss Whedon, que ajudou Zack Snyder em "Liga da Justiça", não vai mais roteirizar nem dirigir o filme solo da Batgirl. O nome forte da DC afirmou em um comunicado enviado ao "The Hollywood Reporter" que levou meses para perceber que não tinha realmente uma história e, por isso, decidiu se afastar do projeto.

Falando diretamente com o presidente da DC, Geoff Johns, e o chefão da Warner, Toby Emmerich, Whedon admitiu: "Sou grato a todos que me deram as boas-vindas quando cheguei e foram tão compreensivos quando... tem uma palavra mais sexy para 'falhei'?".

Whedon entrou para a produção do primeiro filme solo de Barbara Gordon, a filha do Comissário Gordon, em março de 2017 com a ideia de levar às telonas uma companheira empoderada para a heroína Mulher-Maravilha.

Segundo apontou "THR", fontes próximos ao diretor confirmaram que Whedon não soube tirar do papel como o filme da amiga de Batman e Robin deveria ser.

 Joss Whedon é o criador da série "Buffy - A Caça-Vampiros" e também dirigiu os blockbusters "Os Vingadores" e "Os Vingadores: Era de Ultron", da rival Marvel. Após alguns anos, o roteirista/diretor pulou a cerca e foi anunciado na DC, ajudando a escrever o roteiro e dirigir parte de "Liga da Justiça".

Que tal uma diretora para o filme?

A Warner ainda não escolheu um substituto para dirigir "Batgirl", mas segundo o site "Tracking  Board", a produtora está procurando uma mulher para o cargo. A iniciativa vem principalmente do sucesso de "Mulher-Maravilha", que foi comandada por Patty Jenkins e estrelada por Gal Gadot.

A primeira aventura solo da heroína a chegar aos cinemas arrecadou mais de US$ 821 milhões e garantiu uma sequência, que deve chegar aos cinemas em 2019, novamente com a dupla do original. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!