Topo

Filmes e séries

Grupo protesta em Berlim na exibição de filme sobre impeachment de Dilma

Bruno Ghetti/UOL
Manifestantes à favor de Lula e Dilma na Potsdamer Platz, em Berlim, antes da exibição do filme "O Processo" Imagem: Bruno Ghetti/UOL

Bruno Ghetti

Colaboração para o UOL, em Berlim

21/02/2018 13h34

A uma temperatura de 2 graus, um grupo de cerca de 20 pessoas se reuniu na Potsdamer Platz, praça próxima ao Palácio do Festival de Berlim, em um ato simbólico a favor de Lula e contra o impeachment de Dilma. O ato, organizado por redes sociais, era composto sobretudo por brasileiros que moram na Alemanha, além de moradores da Suíça e do Brasil.

O grupo aproveitou que esta quarta-feira (21) será a primeira exibição do documentário "O Processo", de Maria Augusta Ramos, sobre os bastidores do afastamento de Dilma Rousseff da presidência, em 2016. Diretora dos premiados "Justiça" e "Juízo", sobre o sistema judiciário brasileiro, Maria Augusta passou vários meses em Brasília acompanhando votações, coletivas e bastidores do Congresso Nacional para realizar a produção. Ela acumulou mais de 450 horas de material, incluindo momentos não exibidos pelo noticiário.

O ato teve com cartazes denunciando um "golpe" no país. Houve uma performance com um bailarino ao som de "Roda Viva", do Chico Buarque, além da execução de músicas de Geraldo Vandré, Linn da Quebrada e o samba-enredo da escola Paraíso do Tuiuti.

Os manifestantes não são ligados à produção do filme, mas aproveitaram a oportunidade para expor publicamente seu descontentamento com a situação política atual no Brasil. No local, com uma caixa de som, eles leram uma carta contra a condenação de Lula e o impeachment da Dilma.

A previsão é que o ato continue até o início da sessão, marcada para as 18h30, no horário de Berlim.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!