Topo

Teatro e musicais

"Não estou preocupada", diz Piovani sobre devolver R$ 747 mil de peça

Divulgação
Luana Piovani fala sobre devolução de R$ 747 mil de peça Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

19/02/2018 12h17

Luana Piovani comentou a notícia de que terá de devolver R$ 747 mil ao Ministério da Cultura por ter a prestação de contas da peça "O Pequeno Príncipe", encenada em 2006 com recursos da Lei Rouanet, reprovada. Em seu canal no YouTube, a atriz falou da situação, divulgada no domingo (18) pelo colunista Lauro Jardim, do jornal "O Globo".

"Esse projeto tem 12 anos, mas a gente tem todos os documentos guardados. Não estou muito preocupada, primeiro porque minha mãe sempre fez administração financeira, cuidando de tudo com olhos de águia. E a gente contratou uma pessoa absolutamente boa nesse quesito de prestação de contas", disse na segunda-feira (19).

"Vai dar um trabalho? Vai. Abrir tudo, apresentar de novo... Doze anos é muito tempo, a memória não está tão próxima. Algumas coisas se perdem porque não são digitalizadas, nessa época as prestações de conta eram em papel e muita coisa perde tinta", justifica.

Luana questiona a decisão. "Tem uma coisa que eu acho estranha nisso. O valor que dizem que eu tenho que devolver é o valor do projeto todo, como se a gente não tivesse prestado nenhum tipo de conta. Isso soa superestranho. A gente vai resolver isso o mais rápido possível".

A atriz elogia o Ministério Público. "De qualquer maneira a gente tem que ficar feliz porque o Rio de Janeiro está sob intervenção, o Brasil inteiro estava no Carnaval mas o Ministério Público estava trabalhando. Isso é importante. Eu fico mais é contente que alguém esteja cuidando disso", afirma, sem deixar de alfinetar citando outro caso.

"Vide meu marido Pedro Scooby, que foi contratado por três anos de Furnas e estão devendo para ele um ano inteiro de trabalho. Acho que são 17 atletas nessa situação, e isso é dinheiro público. Se alguém tivesse tomado conta direito, o salário do meu marido tinha caído e não estaríamos com esse rombo no orçamento", reclama.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Teatro e musicais