Entretenimento

Bob Dylan fala sobre Nobel: "Claro que vou à cerimônia... se for possível"

Do UOL, em São Paulo*

28/10/2016 20h05

Bob Dylan finalmente resolveu falar sobre o Prêmio Nobel de Literatura que recebeu há duas semanas. O músico deu a declaração mais aguardada por seus fãs e, claro, pela Academia Sueca, que não conseguia fazer contato com ele havia 15 dias.

Questionado por uma jornalista do jornal britânico "The Telegraph" se iria participar da cerimônia de entrega das honrarias em Estocolmo, no dia 10 de dezembro, Dylan foi direto: "Claro que vou... se for possível". Todos os anos, os escolhidos recebem o prêmio das mãos do rei da Suécia e fazem um discurso.

A Academia Sueca divulgou um comunicado nesta sexta-feira (28) dizendo que Dylan teria entrado em contato com eles, nesta semana, por telefone e agradecido a honraria. Até então, diversas especulações davam conta que o cantor não aceitaria o prêmio por causa de seu silêncio.

Mas a teoria veio abaixo quando Dylan falou tranquilamente sobre a honraria e pareceu bastante orgulhoso por se tornar um Nobel. "É difícil de acreditar. É maravilhoso, incrível. Quem imaginaria algo assim?". Ele afirmou que ficou "sem palavras" quando recebeu a notícia e que agradece "muito por essa homenagem".

Dylan também afirmou que acredita "de certo modo" que suas músicas estejam em um patamar de literatura, mas que não é exatamente "qualificado para isso" e, assim, deixa "as outras pessoas decidirem o que elas [as canções] são".

"Estou aqui"

Questionado ainda pelo jornal britânico sobre o silêncio que gerou tantas especulações, o Nobel de Literatura limitou-se a dizer: "Bem, eu estou aqui".

Menos de 24 horas depois de ter sido anunciado vencedor do Nobel de Literatura, Dylan fez um show em Las Vegas e não disse uma palavra sobre o anúncio.

Há dez dias, a Academia Sueca havia abandonado as tentativas de contato com o cantor e compositor americano. "Atualmente, não estamos fazendo nada. Telefonei e enviei e-mails ao seu colaborador mais próximo, e obtive respostas muito amáveis. Até o momento, isso é tudo", declarou a secretária da instituição, Sara Danius.

O cantor chegou a reconhecer o prêmio em um texto publicado no dia 19 de outubro em seu site, mas retirou a citação horas depois. O texto promovia o livro dele "The Lyrics: 1961-2012", e citava, em letras maiúsculas, "Winner of the Nobel Prize in Literature" ("Ganhador do Prêmio Nobel de Literatura").

Bob Dylan, 75, cujo verdadeiro nome é Robert Allen Zimmerman, é um dos cantores e compositores mais influentes da história da música moderna. É o primeiro músico a obter a prestigiosa distinção.

*Com informações de agências

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo