PUBLICIDADE
Topo

Mostra traz espetáculos de dança de companhias do Sul a Curitiba de graça

"Feche os olhos para olhar" convida o público a uma experiência de  “descondicionamento do olhar" - Divulgação/Elenize Dezgeniski
"Feche os olhos para olhar" convida o público a uma experiência de “descondicionamento do olhar" Imagem: Divulgação/Elenize Dezgeniski

Do UOL, em Curitiba

04/08/2016 07h00

A Mostra Sul – diálogos dançantes, promovida pela paranaense desCompanhia de dança, traz a Curitiba, entre agosto e setembro, um recorte da produção de dança contemporânea da região Sul. A mostra apresenta oito espetáculos de dança, todos gratuitos.

A mostra é aberta no dia 4 de agosto, às 19h30, com o espetáculo "Input", na Casa Hoffmann. Em cena, quatro bailarinos jogam o jogo da memória: enquanto jogam, criam uma coreografia que deve ser memorizada e replicada.

Já entre 5 e 7 de agosto o espetáculo "Até quanto?, de Isabela Schwab (PR), fica em cartaz no Teatro Cleon Jacques. O trabalho propõe apresentar o corpo como um campo de batalhas, em um encontro de dor e prazer, vontade e alcance, recuo e ataque. Nos mesmos dias e espaço, a peça "Rec(L)usadx", de Elke Siedler (SC), mostra um solo de dança contemporânea que nasceu da investigação poética sobre um mundo que é atravessado por relações afetivas interrompidas.

O vão do Museu Oscar Niemeyer (MON) também é sede da mostra. Nos dias 20 e 21, o espetáculo "Descobrindo Plaftpet", da desCompanhia de dança (PR), traz à tona a importância do brincar, do criar e recriar a partir de simples objetos, como garrafas pet. De 26 a 28 de agosto, "[BLIND]AGEM", do Grupo LAUT! (SC), retorna ao Cleon Jacques para buscar entender os estágios corporais dos bailarinos na ausência da visão.

"Rec(L)usadx" mostra um solo de dança contemporânea que nasceu da investigação  poética sobre um mundo que é atravessado por relações afetivas interrompidas - Divulgação/Helena Moellmann - Divulgação/Helena Moellmann
"Rec(L)usadx" mostra um solo de dança contemporânea que nasceu da investigação poética sobre um mundo que é atravessado por relações afetivas interrompidas
Imagem: Divulgação/Helena Moellmann
De volta ao vão do MON, a desCompanhia de dança apresenta, no dia 28, "Feche os olhos para olhar". O espetáculo convida o público a uma experiência de “descondicionamento do olhar”, conduzindo seus olhares para pontos inusitados. Já em setembro, de 2 a 4, a Cia. Municipal de Caxias do Sul (RS) apresenta no Cleon Jacques "Lacuna", que procura desenhar cenicamente uma crítica bem humorada sobre as relações de uso e consumo entre o ser humano e as tecnologias de smartphones.

Ainda no Cleon Jacques, a desCompanhia de dança fecha a programação da mostra com o espetáculo "IN-REAL acontecimentos poéticos", nos dias 2 e 3 de setembro, buscando subverter a noção prático-utilitária do espaço e das coisas e objetos. 

Os detalhes da programação, como horários de apresentação e endereços dos espaços culturais, podem ser vistos pelo site descompanhia.blogspot.com.

Serviço
Mostra Sul – diálogos dançantes
Quando: Até 4 de setembro
Onde: Casa Hoffmann (Rua Claudino dos Santos, 58 – São Francisco), MON (Rua Marechal Hermes, 999 – Centro) e Teatro Cleon Jacques (Rua Mateus Leme, 4700 – São Lourenço)
Quanto: Entrada franca
Mais informações: Pelo site descompanhia.blogspot.com