Livros e HQs

"Redes sociais deram voz a legião de imbecis"; veja frases de Umberto Eco

Do UOL, em São Paulo

19/02/2016 22h38

Veja frases do escritor e filósofo italiano Umberto Eco, autor de "O Nome da Rosa", que morreu nesta sexta (19) na Itália.

Frases de Umberto Eco

  • Normalmente, eles [os imbecis] eram imediatamente calados, mas agora eles têm o mesmo direito à palavra de um Prêmio Nobel.

    Umberto Eco sobre a internet
  • Assim eu redescobri o que os escritores sempre souberam (e disseram-nos uma e outra vez): livros sempre falam de outros livros, e cada história conta uma história que já foi contada.

    Umberto Eco
  • O verdadeiro herói é sempre um herói por engano. Ele sonha em ser um covarde honesto como todos os outros.

    Umberto Eco
  • Eu passei a acreditar que o mundo inteiro é um enigma. Um enigma inofensivo que é feito por nossa própria tentativa de interpretá-lo, como se houvesse nele uma verdade subjacente.

    Umberto Eco
  • Eu penso a atitude pós-moderna como a de um homem que ama muito uma mulher e sabe que não pode dizer "Eu te amo loucamente", porque ele sabe que ela sabe (e que ela sabe que ele sabe) que essas palavras já foram escritas por Barbara Cartland.

    Umberto Eco
  • Todos os poetas escrevem poesia ruim. Poetas ruins as publicam, poetas bons as queimam.

    Umberto Eco
  • O romance é a realização maior da narratividade. E a narratividade conserva o mito arcaico, base de nossa cultura.

    Umberto Eco
  • A aprendizagem não consiste apenas em saber o que devemos ou podemos fazer, mas também saber o que poderíamos fazer e, talvez, não deveríamos.

    Umberto Eco em "O Nome da Rosa"
  • Nada inspira mais coragem ao medroso do que o medo alheio.

    Umberto Eco
  • Eu pessoalmente gosto de livros fáceis que me fazem dormir imediatamente.

    Umberto Eco em entrevista à revista "Vogue"
  • Creio que o que nos tornamos depende do que nossos pais nos ensinam em momentos estranhos, quando eles não estão tentando nos ensinar. Nós somos formados por pequenos pedaços de sabedoria.

    Umberto Eco em "Pêndulo de Foucault"

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

UOL Jogos
EFE
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
AFP
Página Cinco
EFE
AFP
BBC
Página Cinco
UOL Jogos
UOL Jogos
Página Cinco
AFP
Página Cinco
do UOL
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
BBC
Página Cinco
AFP
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
do UOL
Da Redação
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
do UOL
Página Cinco
do UOL
do UOL
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
UOL Jogos
do UOL
AFP
BBC
BBC
Página Cinco
Página Cinco
Topo