Livros e HQs

Brasileiros homenageiam 20 anos de "Pulp Fiction" com HQ

Guilherme Solari

Do UOL, em São Paulo

25/10/2014 07h00

Há cerca de 20 anos, chegava aos cinemas "Pulp Fiction", filme que se tornaria um marco da cultura pop e elevaria Quentin Tarantino ao status de gênio do cinema pela crítica e pelos fãs em geral.

Muitos dos admiradores do filme acabaram se tornando artistas com o passar dessas duas décadas. E alguns deles formaram um grupo de quadrinistas independentes brasileiros, que resolveu comemorar o aniversário do longa recriando suas principais cenas com a HQ Pulp Fiction 20 Anos.

A iniciativa reúne trabalhos de mais de 15 artistas, cada um incumbido de transpor uma cena para o formato de quadrinhos. Divulgadas no pertil do grupo no Facebook e, no final de novembro, uma versão completa com todas as páginas deve ser disponibilizada para download e leitura on-line.

O organizador do projeto Marcus Rodrigues conversou com o UOL sobre a iniciativa, contando como a linguagem visual do filme foi facilmente transposta para os quadrinhos, enquanto os diálogos, repletos de referências pop, representaram um desafio para os artistas. Leia abaixo a entrevista completa.

UOL - Como nasceu a ideia do projeto?

Marcus Rodrigues - Já vem acontecendo a um tempo aqui no Brasil uma onda do que chamamos de "CollabArt", projetos nos quais artistas independentes se unem para homenagear algum tema. Eu mesmo participei de alguns bem bacanas, e havia um tempo que gostaria de organizar um com os amigos, mas queria fazer algo diferente do que estava sendo feito. Sou um cinéfilo inveterado e fã dos filmes do Tarantino. Conversando com o Paulo Márcio, que faz parte do projeto, lembrei que esse ano faria 20 anos de estreia do filme, e daí veio a ideia de fazer uma "collab" com esse tema. Além do próprio nome, "Pulp Fiction", que remete a um gênero de quadrinhos, o filme também possui uma estética de narrativa [de HQ]. Achamos que nada seria melhor do que se recriássemos o filme em forma de HQ.

Como foi a resposta dos artistas convidados? Cada um escolheu sua cena?

Sou do meio dos quadrinhos independentes, então tenho muitos amigos da área e, quando eu os convidei, foi muito bacana, pois todos demonstraram ser religiosamente fãs e toparam na hora. É uma honra para a gente poder ter essa oportunidade de homenagear o filme que nos influenciou tanto. Sobre a divisão de cenas, foi uma proposta do projeto que elas fossem sorteadas, assim seria uma completa surpresa para o artista. Desse jeito foi muito mais desafiador e divertido.

Qual foi o maior desafio em adaptar as cenas?

Acho que o maior desafio que enfrentamos foi adaptar os diálogos para os quadrinhos. Parece que cada vírgula do roteiro de Tarantino é totalmente épica e cada ponto final encerra uma frase icônica, por isso a decupagem das cenas foi bem complicada para nós.

O que mais marcou você em "Pulp Fiction"?

Na maioria, somos quadrinistas independentes e, dificilmente, você irá achar um que não foi influenciado pelo filme. A maneira que foi produzido, o estilo da narrativa e a atmosfera é uma aula não só de cinema, mas de arte e literatura, que é exatamente o que fazemos nos quadrinhos. O "Pulp Fiction" é um ponto de virada na história da pop art.

Quais são as principais dificuldades em captar a atmosfera de um filme tão icônico?

Acho que são os detalhes que fazem toda a diferença, as pequenas viradas e nuances das cenas que fazem o filme ser tão marcante. E captar essas pequenas expressões para os quadrinhos é a parte complicada. Quando iniciamos o projeto, com os primeiros traços percebemos a grande responsabilidade que assumimos.

Os artistas fazem adaptações fiéis do roteiro ou têm espaço para tomar liberdades com a história?

Uma proposta bacana do projeto é que não temos a intenção de reproduzir o filme fielmente para os quadrinhos. O filme é definitivo, acho que todo o mundo que gosta minimamente de cinema já o viu pelo menos uma vez na vida, e não queremos contar a mesma história duas vezes, mas a mesma história de maneira diferente. Então a intenção do projeto é que cada artista possa mostrar sua interpretação da cena, por outro ponto de vista e linguagens diferentes. Foi isso que tornou o resultado tão especial.

Cada artista traz o seu estilo particular, como casar isso num todo?

Não foi difícil, o próprio filme traz isso originalmente. Histórias diferentes, de personagens diferentes com temáticas completamente sem relação. Mas, no final, tudo se harmoniza. Não foi diferente com a gente. Olhando o projeto como um todo, você quase não repara.

Quando sai a versão definitiva do projeto? Como ela será distribuída?

No final de novembro, iremos lançar uma versão definitiva para download e leitura on-line com alguns extras. Existem planos de uma publicação impressa, mas ainda não sabemos ao certo como isso acontecerá. Certamente vocês ficarão sabendo das novidades se ficarem ligados na nossa fanpage.

Que efeito vocês esperam que a HQ tenha nos leitores?

Esperamos que todos gostem do resultado e se divirtam, como nós nos divertimos muito fazendo. Além disso, mostrar o valor dos talentos dos quadrinhos nacionais, que às vezes não têm sua devida atenção e apoio.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Da Redação
Página Cinco
EFE
do UOL
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
Da Redação
Da Redação
Página Cinco
Página Cinco
UOL Jogos
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
Página Cinco
Da Redação
Página Cinco
Página Cinco
UOL Jogos
Da Redação
do UOL
Página Cinco
UOL Entretenimento - Imagens
Página Cinco
EFE
Página Cinco
Blog do Barcinski
Página Cinco
UOL Jogos
Página Cinco
do UOL
Página Cinco
do UOL
Da Redação
Página Cinco
AFP
do UOL
Página Cinco
Da Redação
EFE
Página Cinco
Da Redação
Blog do Barcinski
Página Cinco
Reuters
Da Redação
BBC
Página Cinco
Topo