Entretenimento

Neil Gaiman diz estar "envergonhado da raça humana" após visitar refugiados

Divulgação
O escritor Neil Gaiman em visita a campos de refugiados na Jordânia Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

22/05/2014 10h18

Neil Gaiman visitou na semana passada refugiados da guerra da Síria reúnidos em campos na Jordânia como representante da ONU. O escritor britânico relatou nesta quinta (22) em seu blog que a experiência fez com que ele se sentisse "envergonhado de pertencer à raça humana", mas ao mesmo tempo orgulhoso pelo trabalho das pessoas que auxiliam os refugiados.

"Eu voltei da Jordânia envergonhado de pertencer a uma raça que trata tão mal os seus membros, e simultaneamente orgulhoso de ser parte dessa mesma raça humana que faz o melhor que pode para ajudar pessoas que estão machucadas, precisando refúgio, segurança e dignidade", escreveu Gaiman.

O escritor também relatou diversas das conversas que teve com refugiados em um artigo no jornal The Guardian. "Em determinado momento eu percebi que não conseguia mais pensar direito e só conseguia chorar. Eu achei que era apenas eu, mas o câmera estava chorando também".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo