Quadrinhos

HQ "Pátria Armada" traz guerra civil com mutantes no Brasil após 1964

Divulgação
Imagem da HQ "Pátria Armada" que será lançada em junho. História traz equipes de super-heróis em um ano 1994 alternativo, com o Brasil dividido entre uma guerra civil de três décadas Imagem: Divulgação

Guilherme Solari

Do UOL, em São Paulo

24/04/2014 06h00

Imagine que o Golpe de 1964 não tenha dado certo, o governo revida contra os golpistas e o Brasil se arrasta em uma guerra civil de 30 anos. Em 1994 o conflito está estagnado, mas ainda muito do vivo, e segue com o bom e velho jeitinho brasileiro, com pausas nas batalhas para o Carnaval e feriados. Adicione a isso mutantes com super-poderes e temos a proposta de "Pátria Armada", HQ que será lançada em julho deste ano em bancas e livrarias do Brasil e no final do ano no mercado internacional.

O cenário de história alternativa torna "Pátria Armada" ao mesmo tempo familiar e distante, e o mesmo acontece com a versão dos anos 1990 apresentada na HQ. "Eu tentei passar aquela ideia de 'há muito tempo atrás, em uma galaxia distante'", diz o idealizador do projeto, o quadrinista Klebs de Moura Junior.

"O ano de 1994 foi fatídico, com a morte do Senna e a Copa do Mundo, eventos que vão acontecer na história". Para quem está acostumado com HQs estrangeiras, chama a atenção a arquitetura característica de cidades como São Paulo, em vez de Nova York, Gotham ou Metrópolis.

A história gira em torno de um grupo de jovens de habilidades sobre-humanas, que ganharam poderes após ataques químicos de ambos os lados do conflito.

Apesar de estarem dentro de "arquétipos" dos quadrinhos de super-heróis (como o gigante fortão, o franco-atirador de mira infalível etc.) não agem como uma versão tupiniquim dos X-Men. "Eles não estão lá para salvar o mundo, são soldados com missões que cumprem, e mais pra frente discutem essa missão e sobre se devem seguir ordens", conta Klebs Junior.

O início tem um ar de revanche da Revolução de 1932, mas o grupo em São Paulo também é integrado por mineiros, cariocas e nordestinos. "Não é só uma divisão norte contra sul", afirma o roteirista. A história mostra um ataque dos "legalistas" --que iniciaram o golpe-- contra São Paulo, sede dos "federalistas".

"Sinto  uma certa apatia do nosso povo em inúmeros golpes", conta Klebs Junior, sobre escolher ambientar a história em uma guerra civil brasileira. "Comecei a pensar em uma saga para poder usar esse tema da guerra para a gente discutir os problemas que o país tem hoje".

A história alternativa também satiriza o nosso passado. Na história, o Rio de Janeiro virou um Estado neutro e monárquico, com um ar pomposo inspirado em Dom Pedro 2º.

Divulgação
Imagem: Divulgação

Divulgação
Imagem: Divulgação

"Vaquinha digital"

A exemplo do que artistas têm feito na música, Klebs Junior levantou R$ 22 mil reais em um financiamento coletivo na internet para tirar o projeto do papel. Veterano dos quadrinhos, com mais de 20 anos de experiência e trabalhos nos Estados Unidos e Europa, Klebs concebeu o financiamento coletivo depois de se desiludir com as iniciativas nacionais anteriores.

"Sentia falta de ver as nossas histórias. Trazer heróis brasileiros como modelos de comportamento positivos e otimistas. Já vi diversos projetos parecidos naufragarem por falta de incentivo, até mesmo de editoras grandes", diz Klebs Junior, que já trabalhou com gigantes dos quadrinhos internacionais, como Marvel e DC.

Divulgação
O quadrinista Klebs Junior. Dinheiro levantado por fãs permitiu a impressão de mais volumes e melhor distribuição Imagem: Divulgação

A "vaquinha digital" também serviu para medir o interesse do público e aumentar o alcance para o lançamento. "Queria uma estrutura que funcionasse em banca e livraria. Sempre ficava esperando uma editora aparecer e comprar o projeto, mas isso nunca aconteceu", conta o autor, completando que planeja fazer uma turnê pelas capitais brasileiras após o lançamento, junto de diversos dos artistas que contribuíram com "Pátria Armada".

Após o lançamento nacional, ele planeja lançar a obra também no mercado internacional. "Já estamos conversando com algumas editoras. Provavelmente será lançado em um volume único, em vez de três edições, como aqui no Brasil", aponta o quadrinista.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Da Redação
Da Redação
UOL Jogos
do UOL
UOL Jogos
UOL Jogos
UOL Jogos
UOL Jogos
UOL Jogos
UOL Jogos
UOL Jogos
redetv
do UOL
redetv
UOL Jogos
UOL Jogos
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
UOL Entretenimento
redetv
Da Redação
Da Redação

Liga da Justiça está fora da San Diego Comic-Con? | Hyperdrive

omelete.com.br -Liga da Justiça fora da San Diego Comic-Con, Homem-Aranha andando de bicicleta no set de Spider-Man: Homecoming, a pré venda de Esquadrão Suicida, uma nova imagem da série de TV do Flash, a armadura de Victor Von Doom como o Homem de Ferro, Gwen Stacy e Miles Morales juntos nos quadrinhos e a reformulação dos quadrinhos da Marvel no Hyperdrive de hoje. Hyperdrive, de segunda a sexta, sempre às 20 horas! Assine nosso canal para não perder nenhum e ajude-nos compartilhando com os amigos. Acesse omeleteclube.com.br para assinar sua Omelete Box e curta a página facebook.com/Omeletebox para não perder nada! Leia mais sobre Homem-Aranha - https://omelete.uol.com.br/quadrinhos/noticia/homem-aranha-miles-morales-e-gwen-stacy-estao-apaixonados/ Leia mais sobre Marvel Comics - https://omelete.uol.com.br/quadrinhos/noticia/marvel-now-vaza-a-lista-das-primeiras-series-novas-da-reformulacao-de-fim-de-ano/ Leia mais sobre Homem de Ferro - https://omelete.uol.com.br/quadrinhos/noticia/marvel-revela-a-possivel-armadura-do-novo-homem-de-ferro-doutor-destino/ Leia mais sobre The Flash - https://omelete.uol.com.br/series-tv/noticia/the-flash-wally-west-aparece-como-kid-flash-em-fotos-da-terceira-temporada Leia mais sobre Esquadrão Suicida - https://omelete.uol.com.br/filmes/noticia/esquadrao-suicida-ganha-comercial-com-cenas-ineditas-e-23-imagens-em-alta-resolucao/ Leia mais sobre Spider-Man: Homecoming - https://omelete.uol.com.br/filmes/noticia/spider-man-homecoming-homem-aranha-usa-teia-em-novo-video-do-set/ Leia mais sobre Liga da Justiça - https://omelete.uol.com.br/filmes/noticia/comic-con-apresentacao-da-wb-em-san-diego-pode-nao-ter-liga-da-justica/

Da Redação
Da Redação
Topo