Entretenimento

Escolas de São Paulo lançam CD com sambas-enredo para o Carnaval 2014

Daniel Santos e Dante Baptista

Do BOL, em São Paulo

08/12/2013 14h05

As escolas do grupo especial e do grupo de acesso do Carnaval de São Paulo se reuniram na madrugada de sábado (8) na quadra da Rosas de Ouro, zona norte da Capital, para o lançamento do CD oficial com os sambas-enredo para o Carnaval de 2014.

Estiveram presentes as 14 agremiações do grupo especial e sete das oito escolas que buscam uma vaga na elite da folia paulistana. A única ausência foi a da Mancha Verde, recém-rebaixada para o grupo de acesso, que inaugurava sua quadra, na Barra Funda.
 
Todas apresentaram o samba que levarão para a avenida no próximo Carnaval, após cantarem seus hinos oficiais. No ano anterior, a festa foi realizada no Anhembi, mas uma forte chuva comprometeu o evento.
 
“Tentamos uma alternativa dentro do Sambódromo, mas sofremos com o temporal. Entramos em consenso e tivemos o bom senso de realizar a festa neste ano em uma quadra de escola de samba. Independentemente do tempo, o sambista se sente à vontade dentro de uma quadra”, afirma Paulo Sérgio Ferreira, presidente da Liga das Escolas de Samba de São Paulo.
 
Para evitar filas na entrada – em anos anteriores, sambistas chegaram a demorar duas horas para entrar na festa –, a venda de ingressos foi feita de forma antecipada. Houve aumento no número de banheiros disponíveis - outra reclamação recorrente de quem esteve na ocasião.
 
Em relação aos últimos CDs feitos pelo Carnaval de São Paulo, houve duas mudanças. A primeira foi no formato de gravação do álbum. Se antes as escolas se apresentavam ao vivo em um auditório com a participação das comunidades, este ano o álbum foi todo gravado em estúdio, com músicos contratados pela Liga e o intérprete oficial de cada escola. “Dava muito trabalho para fazer um CD ao vivo e o custo estava elevado”, resume Ferreira.
 
A outra está na distribuição do material, que antes era encartado em um jornal. Neste ano, ele passa a ser vendido em lojas especializadas e também online, na loja de aplicativos da Apple. “Queremos que o CD seja ouvido fora do estado de São Paulo, coisa que já não vinha acontecendo há anos”, explica o presidente da Liga, que revelou também possíveis mudanças no regulamento dos desfiles no próximo ano: “Vamos votar na próxima semana mudanças no número de julgadores e no descarte das notas. Ainda iremos votar, mas está quase certo que teremos quatro julgadores ao invés de cinco e apenas a menor nota de cada escola será descartada”, explicou.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo