Topo

Entretenimento

Neozelandesa se torna autora mais jovem a ganhar o Man Booker Prize 2013

Olivia Harris/Reuters
A escritora Neozelandesa Eleanor Catton, vencedora do Man Booker Prize 2013 pelo romance "The Luminaries", posa com o prêmio no Guildhall, em Londres Imagem: Olivia Harris/Reuters

Do UOL, em São Paulo*

15/10/2013 19h53

A escritora neozelandesa Eleanor Catton, de 28 anos, tornou-se a pessoa mais jovem a ser agraciada com o Man Booker Prize, com o romance "The Luminaries".

O Man Booker Prize é um prêmio literário oferecido anualmente ao melhor romance em inglês, de autoria de escritor nascido no Reino Unido ou em ex-colônias britânicas.

Nascida em 1985 no Canadá, de pais neozelandeses, e criada na Nova Zelândia, Eleanor Catton recebeu o prêmio em uma cerimônia em Londres, tornando-se a segunda autora do país da Oceania a ser laureada.

"The Luminaries" conta a história do caçador de fortunas Walter Moody, durante a corrida pelo ouro na Nova Zelândia, em meados do século 19.

A editora Globo anunciou que irá lançar a tradução do romance em 2014. Catton nunca havia sido publicada no Brasil.

O presidente do júri, Robert Macfarlane, descreveu a obra de 832 páginas, a mais extensa a ganhar a honraria, como "deslumbrante". "É um magnífico romance", afirmou.

A mulher do príncipe Charles, duquesa da Cornuália Camilla Parker-Bowles, entregou o prêmio de 60 mil euros a Catton.

* Com informações da AFP

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento