Topo

Entretenimento

Ilusionismo fará Fiona voar na versão brasileira do musical "Shrek"

Divulgação
dezembro.2012 - Da esquerda para a direita, os atores Rodrigo Sant'Anna, Diego Luri, Sara Sarres e Marcel Octavio Imagem: Divulgação

Carla Neves

Do UOL, no Rio

07/12/2012 19h58

No próximo dia 14 estreia no Teatro João Caetano, no Rio, a versão brasileira do musical “Shrek”. Dirigido por Diego Ramiro, o espetáculo – que fica em cartaz na capital carioca até abril e tem estreia prevista para São Paulo em agosto – retrata a história do adorável ogro, que se apaixona por uma princesa nada convencional. Nesta sexta (7), o UOL acompanhou o ensaio do elenco – formado por 27 atores – e pôde ver de perto a caracterização dos protagonistas Shrek e Fiona.

O carioca Diego Luri, que interpreta o papel-título, usa próteses de silicone no rosto, no pescoço e nas mãos. “Eu não respiro. Só nos olhos e na boca”, disse o ator, que conta com o auxílio do ar-condicionado e de ventiladores na coxia para suportar o calor. “O problema é que o ar lá no palco ainda não está bombando”, contou Diego no camarim.

Sara Sarres, que encarna a princesa Fiona, também faz uso de próteses que são coladas em seu rosto e mãos durante o espetáculo. “É que alterno entre Fiona e ogra. Faço quatro trocas rápidas entre Fiona e ogra. Uma delas dura 90 segundos. São cinco pessoas para me ajudar”, contou ela, acrescentando que perde de 1 a 1,5 Kg por espetáculo.

Além de maquiagem apurada, a peça conta ainda com efeitos especiais. O principal deles fica a cargo do ilusionista Issao Imamura, que faz Fiona voar. Questionada sobre como é feito o voo ilusório, Sara despistou. “Não posso contar. Senão vai perder a magia”, justificou, aos risos.

Diego Ramiro afirmou que apesar de o musical ser livremente baseado no Shrek do cinema, ele tem elementos extremamente brasileiros. “A peça é 100% brasileira. A versão das músicas para o português é do Claudio Botelho e a tradução do texto é da Cristina Bério”, disse. O diretor garantiu que a produção – que tem duas horas e 20 de duração – tem tudo para agradar a família inteira. “Tem elementos para o pai e a criança se divertirem. O pai, o avô, a criança, todo mundo se diverte”, contou.

O elenco conta ainda com o ator da Globo Rodrigo Sant’Anna, que faz o Burro; Marcel Octavio, que encarna o Lord Farquaard; e Camilla Camargo, filha de Zezé Di Camargo, que faz quatro personagens, entre eles Shrek e Fiona na infância, entre outros.


SHREK – O MUSICAL
Onde: Teatro João Caetano (Praça Tiradentes, s/n, Centro – Rio de Janeiro)
Estreia: 14 de dezembro
Quando: sexta às 20h; sábados às 16h e 20h; e domingo às 16h e 20h
Quanto: de R$50 a R$100
Classificação etária: Livre

 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento