Entretenimento

Crônicas de Caio F. Abreu e vampiros maranhenses estão entre dicas de leitura

Do UOL, em São Paulo

25/08/2012 07h00

A saborosa crônica de Caio Fernando Abreu (1948-1996) está sendo resgatada pela Nova Fronteira no livro A Vida Gritando nos Cantos, um dos destaques da seleção de leitura.. Quem gosta do gênero e tem fascinação pelo tema sexo, pode tentar a vertente humorística aberta por Carpinejar em "Ai Meu Deus, Ai Meu Amor".

Completam a lista de recomendações "Como Woody Allen Pode mudar Sua Vida", manual de autoajuda do psiquiatra francês Éric Vartzbed; o ensaio "Segredos do Romance Policial", da autora e especialista no gênero P.D. James, e para terminar um ítem para os amantes da tendência do vampirismo, "A rainha Vampira", último capítulo da saga escrita pela maranhense Nazarethe Fonseca.

CRÔNICA

Outro dia, uma amiga se queixou ao telefone- ‘Tenho vinte e sete anos e descobri que, até agora, tenho me alimentado de migalhas'. Falei qualquer coisa banal e consoladora, como 'a vida é assim mesmo, paciência' - e desliguei. Só não desliguei a cabeça- a frase ficou dias dando voltas dentro dela. Até que, não lembro bem como, de algum lugar de dentro de mim veio a resposta que não cheguei a dar à minha amiga- 'Mas será que isso que você chama de migalhas não será, afinal, o próprio pão?'

A Vida Gritando nos Cantos
Editora: Nova Fronteira
ISBN: 9788520931783
Edição: 1ª Edição - 2012
Número de Páginas: 248
Acabamento: Brochura
O que é: De 1986 a 1996, Caio Fernando Abreu escreveu mais de cem crônicas para o jornal "O Estado de S. Paulo". O material, inédito, está reunido no livro e resgata a prosa de um dos poetas e escritores mais antenados dos anos 80 e 90.

Por que ler: Material inédito e muito saboroso da produção do autor, o livro é também uma crônica da noite paulistana e dos bastidores do mundo da arte, com tudo que tem de virtuoso e sórdido. A editora vai relançar a obra completa de Abreu.

ENSAIO

Se acreditamos no lugar, acreditamos nos personagens. Além disso, o cenário pode estabelecer desde o primeiro capítulo o clima do romance, seja ele de suspense, terror, apreensão, ameaça ou mistério. Basta pensar em "O Cão dos Baskerville", de Conan Doyle, naquela escura e sinistra mansão situada no meio da charneca envolta em neblina, para apreciar o quanto o cenário pode ser importante no estabelecimento da atmosfera. O cão de Wimbledon Common dificilmente produziria tamanho frisson de horror.

Segredos do Romance Policial
Editora: Três Estrelas
ISBN: 9788520931783
Edição: 1ª Edição - 2012
Número de Páginas: 184
Acabamento: Brochura
Formato: 21 x 14 cm
O que é: A consagrada autora percorre mais de cem anos dos livros de detetive, descreve as mudanças por que passaram ao longo do tempo e apresenta os autores essenciais do gênero em língua inglesa.

Por que ler: Com sua escrita mais do que treinada, James não apenas historia o gênero policial na literatura. Ela também oferece insights preciosos tanto para quem gosta de ler quanto para quem quer se aventurar nessa seara. Seja qual for o objetivo, a leitura é sempre muito boa.

AUTOAJUDA

O trauma tem duas faces. Pode assumir a forma clássica de um acontecimento sórdido, de uma agressão que ultrapassa a capacidade de tratar do sujeito. Pego de surpresa, desarmado, o indivíduo se vê diante de uma experriência intraduzível, que o deixa sem voz. Ele não consegue pensar naquilo como se a trama da sua vida psíquica tivesse sido rasgada

Como Woody Allen pode Mudar Sua Vida
Editora: Nova Fronteira
ISBN: 9788520927847
Edição: 1ª Edição - 2012
Número de Páginas: 80
Acabamento: Brochura
Formato: 13,5 x 21 cm
O que é: Com o humor de um verdadeiro fã de Woody Allen, o psicanalista Éric Vartzbed mostra neste livro ao mesmo tempo leve e profundo que, apesar da aparência de um prisioneiro da depressão, o diretor oferece uma visão de autêntica mudança.

Por que ler: Autoajuda com humor, um pouco de erudição e doses cavalares de cinefilia é o que oferece Vartzbed, doutor em psicologia e psicoterapia francês que trabalha em várias instituições.

VAMPIROS

A vampira andou pelo quarto luxuoso do hotel e foi para a janela. Estava bastante ansiosa; além disso, tinha pouco tempo, talvez uma hora no máximo. Vitor estava atrasado, e isso a irritou. Pelo que sabia, a última vez que se viram foi quando resolveu deixar São Luís, rumo à Espanha. Desde então, ele vivia na Rússia com sua mestra, Frigia. Quando se falaram por telefone, Vitor comentou que a Exterminadora viera junto para ver o rei. Eles viajavam bastante, graças à posição de Frigia dentro do mundo vampírico. Como Exterminadora, ela ia de um canto a outro do mundo, seguindo as ordens do Livro e do rei.

A Rainha dos Vampiros
Editora: Aleph
ISBN: 978-95-7657-117-9
Edição: 1ª Edição - 2011
Número de Páginas: 376
Acabamento: Brochura
Formato: 16 x 23 cm
O que é: A autora maranhense Nazarethe Fonseca encerra a saga "Alma e Sangue" revelando os mistérios do mundo imortal e o destino do amor transcendente entre Kara e Kmam. É o quarto e último livro da série, que foi lançada no formato multimídia e conta com websérie, contos esparsos e outros elementos

Por que ler: Claramente inspirada pela onda de vampiros no mundo do entretenimento, Nazarethe dá um sabor brasileiro à tendência, embora muitas vezes os sugadores de sangue páreçam um tanto fora de lugar em terra de sacis, curupiras e caiporas.

CRÔNICA

O homem pode ser tão gentil que se desfaz na bebida para não culpar a mulher pela broxada. A mulher é tão educada que faz de conta que acredita. Na adolescência, tinha a parceria de Ferrugem nas noitadas. Todo mundo teve um colega chamado Ferrugem. Ou um fedelho na escola chamado Alemão. É uma obrigação constitucional.

Ai meu Deus, Ai meu Jesus
Editora: Bertrand Brasil
ISBN: 9788528615579
Edição: 1ª Edição - 2012
Número de Páginas: 256
Acabamento: Brochura
Formato: 21 x 14 cm
O que é: Pela primeira vez, Carpinejar lança um livro de crônicas temático, tratando de situações e assuntos relacionados a amor e sexo.

Por que ler: Poeta, cronista, jornalista e professor, Carpinejar tornou-se uma figura incluente na internet e no mundo literário, com sua escrita simples, direta e escorreita. O tema, claro, também ajuda, embora seja tratado com leveza e humor característicos do autor.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo