PUBLICIDADE
Topo

Marvel ganha na Justiça direitos sobre o Motoqueiro Fantasma

Motoqueiro Fantasma da Marvel - Divulgação
Motoqueiro Fantasma da Marvel Imagem: Divulgação

Da Redação

30/12/2011 09h33

Um processo que corria na Justiça dos Estados Unidos sobre a disputa de direitos do personagem Motoqueiro Fantasma (Ghost Rider) foi encerrado na última quarta-feira (28) a favor da editora Marvel Comics.

O autor do processo foi Gary Friedrich, que entrou com pedido na Justiça pelos direitos do personagem em 2007. Ele diz ter criado a caveira que anda sobre uma motocicleta e que tem chamas na cabeça. O Motoqueiro Fantasma original, dos anos 1950 e 60, pertencia ao Velho Oeste e andava sobre um cavalo.

A juiza que decidiu o caso, Katherine Forrest, disse que Friedrich abriu mão dos direitos sobre o Motoqueiro Fantasma quando assinou documentos de concessão a Marvel Entertainment. "A lei é clara quando um indivíduo endossa um documento, ele está aceitando aquela condição", afirmou Forrest.