Entretenimento

Falta de sinalização e metrô cheio marcam sábado da Virada Cultural; veja dicas de como aproveitar melhor o evento

Da Redação

17/04/2011 01h34

No primeiro dia da Virada Cultural paulistana, algumas pessoas presentes no evento reclamaram da falta de sinalização para se locomover de um palco ao outro. "Os palcos não tem identificação, quem não é da cidade tem problema pra se localizar", diz a aposentada Sonia Batistoti, do Mato Grosso do Sul.

Além de não existir placas ou mapas suficientes para o público, alguns policiais e agentes da CET não conseguem informar as pessoas de como chegar aos palcos com atrações -- alguns deles, deslocados de suas bases, não conhecem a região central da cidade muito bem. Para evitar transtornos, uma boa dica é montar a programação e levar um mapa antes de sair de casa, você pode montar a sua programação e imprimi-la aqui

Outro ponto forte de dificuldade no centro da cidade foi o acesso ao metrô, que teve seu horário de pico às 18h. As filas para carregar o Bilhete Único, que hoje teria quatro integrações durante oito horas, eram imensas. Mas para quem quis evitar as filas e a espera do transporte público, uma boa solução foi ir de bicicleta. Com a maior parte das atrações ao ar livre, muitos ciclistas podiam ser vistos usando esse meio de transporte durante o evento. 

Para comer, várias barracas de pastel estão abertas com a média de preços de R$2,50. Quem prefere uma algo mais saudável, também pode optar por algumas barracas de saladas de frutas com o preço de R$5. 

As ruas, que em outras edições do evento ficavam muito sujas, tem o lixo constantemente removido por cerca de 100 garis espalhados pelo local e a sujeira não incomoda. 

Apesar de ter sido proibido o consumo de bebidas alcoólicas, doze toneladas de bebidas foram apreendidas durante a Virada, junto com 32 carrinhos de ambulantes até as 22h do sábado. 

Mesmo com os contratempos, muitas famílias, crianças e idosos podem ser vistos aproveitando o evento. Para o norte-americano Paul Sutton, de Boston, "o clima da Virada lembra os festivais de Las Vegas e New Orleans, onde você pode ver pessoas dançando, bebendo e se divertindo nas ruas". 

A Virada Cultural acontece de 18h do sábado às 18h do domingo em vários pontos da cidade de São Paulo. (Colaborou Lívia Lanzoni, em São Paulo)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo