Topo

Entretenimento

Mostras em SP aproximam produções contemporâneas de Brasil e Angola

Da Redação

04/07/2010 08h30

Até o dia 31 de julho, duas mostras em São Paulo estreitam os laços entre as culturas brasileira e angolana. A Galeria SOSO Arte Contemporânea Africana inaugura o espaço SOSO+ com a exposição "Primeira Ponte", uma coletiva de sete artistas baianos, ao mesmo tempo em que promove "Yonamine", primeira mostra individual do artista angolano homônimo no Brasil.

"Primeira Ponte" apresenta o trabalho de artistas que utilizam linguagens contemporâneas para expressar a forte influência da cultura africana. Nela, constam nomes consagrados como Mario Cravo Neto, e outros que mais recentemente têm se destacado no circuito, como o próprio filho de Mario, Christian Cravo; além de Ayrson Heraclito, Eneida Sanches, Gaio Matos, Flavio Lopes e Marcondes Dourado. São fotografias, pinturas, vídeos e instalações que propõem uma releitura dos elementos que compõem o imaginário do baiano.

Para a exposição na SOSO, Yonamine leva dois painéis formados por 30 quadros cada um. No painel "Caraócoroa", utiliza a técnica da serigrafia sobre papel com predomínio do preto e branco. Em "Miami Be", mistura serigrafia com diversas técnicas, como colagens, tinta acrílica, crayons coloridos e carimbos. A mostra ainda exibe quatro serigrafias pintadas sobre folhas de jornal e três pinturas em técnica mista sobre tela em grandes formatos, estas últimas realizadas em 2009, durante residência artística.

  • SOSO/Divulgação

    Serigrafia sobre papel feita em 2010 por Yonamine

Yonamine é um dos três representantes de Angola na 29ª Bienal de São Paulo, que ocorre em setembro deste ano. O artista nasceu em Luanda, em 1975, e atualmente vive e trabalha em Lisboa, em Portugal. Seu trabalho se caracteriza pela reciclagem de memórias e objetos, montando com suas obras uma crítica sutil e bem humorada do seu tempo. Ele também participou da Bienal de Veneza, em 2007, a Sharjah Biennial (Emirados Árabes) e a Bienal de Havana, as duas últimas em 2009. Recentemente, expôs ao lado de diversos artistas angolanos de sua geração na mostra "Luanda, Suave e Frenética 2", no MAM-Bahia, e "Luanda, Suave e Frenética 1", na Galeria Solar Ferrão, mo Pelourinho, também em Salvador. 

 


MOSTRA COLETIVA "PRIMEIRA PONTE"
Quando: até 31 de julho de 2010
Onde: SOSO+ (av. São João, 284, São Paulo-SP; de segunda a sexta, das 11h às 19h, e aos sábados, das 11h às 17h)
Quanto: Grátis
Informações: 
0/xx/11/3222-3973, site da Galeria SOSO, página no Facebook e via Twitter.

"YONAMINE"
Quando: até 31 de julho de 2010
Onde: SOSO Arte Contemporânea Africana (av. São João, 313, 2º andar, São Paulo-SP; de segunda a sexta, das 11h às 19h, e aos sábados, das 11h às 16h30)
Quanto: Grátis
Informações: 
0/xx/11/3222-3973, site da Galeria SOSO, página no Facebook e via Twitter.

Mais Entretenimento