Entretenimento

Escritor Wilson Bueno é encontrado morto em Curitiba

Da Redação*

01/06/2010 10h49

  • Divulgação

    O escritor Wilson Bueno, que foi encontrado morto em Curitiba

O escritor paranaense Wilson Bueno, de 61 anos, foi encontrado morto no início da noite desta segunda-feira (31) na casa onde morava, no Bairro Santa Cândida, em Curitiba, no Paraná.

A polícia suspeita que ele foi assassinado com um golpe de arma branca no pescoço durante tentativa de assalto, ainda na noite de domingo. De acordo com peritos do IML (Instituto Médico Legal), Bueno também apresentava várias lesões pelo corpo.

Segundo o jornal "Gazeta do Povo", não foram encontrados sinais de arrombamento no local e o escritório estava revirado, com vários sacos de lixo vazios abertos espalhados pelo chão. Por conta deste cenário, a polícia suspeita que objetos da casa seriam levados, mas, por alguma razão, não foram retirados, e que Bueno conhecia o criminoso. Um cheque nominal deixado na escrivaninha do cômodo onde o corpo de Bueno estava é outra pista que a polícia leva em consideração para tentar esclarecer o caso.

O corpo foi encontrado por um amigo do escritor chamado pela diarista, que estranhou ele não aparecer até o fim da tarde.

Criador do jornal cultural "Nicolau", Bueno é autor de 13 livros, como a coletânea de contos "Bolero’s Bar" (1986) e a novela "Mar Paraguayo", lançada em 1992, com a qual ganhou projeção internacional. Ele também assinava resenhas sobre críticas literárias no jornal "O Estado de São Paulo". Nasceu em Jaguapitã, no norte do Paraná, mas morava havia muitos anos na capital paranaense.

O enterro do corpo de Bueno está previsto para as 17h de hoje, no cemitério municipal do bairro Santa Cândida, em Curitiba.

* Com agências.
 

CONHEÇA A BIBLIOGRAFIA DO AUTOR

"Bolero's Bar" (1986)
"Manual de Zoofilia" (1991)
"Ojos de Água" (1992)
"Mar Paraguayo" (1992)
"Cristal" (1995)
"Pequeno Tratado de Brinquedos" (1996)
"Medusario" (1996)
"Jardim Zoológico" (1999)
"Meu Tio Roseno, a Cavalo" (2000)
"Once Poetas Brasileños" (2004)
"Amar-te a Ti Nem Sei Se Com Carícias" (2004)
"Cachorros do Céu" (2005)
"Diário Vagau" (2007)
"Pincel de Kyoto" (2007)
"Canoa Canoa" (2007)
"A Copista de Kafka" (2007)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo