PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Pesquisador localiza casa onde Shakespeare viveu em Londres

William Shakespeare - Wikipedia
William Shakespeare Imagem: Wikipedia

13/04/2019 15h50

Uma nova pesquisa identificou o lugar onde o dramaturgo inglês William Shakespeare (1564-1616) morou em Londres quando escreveu "Romeu e Julieta", não muito longe da estação do metrô de Liverpool Street.

Até agora pensava-se que o poeta tinha vivido onde fica a estação do metrô entre 1597 e 1598, mas análises do historiador Geoffrey Marsh indicam que ele morou um pouco mais longe, na rua de Great St.Helen, onde hoje existe um edifício com escritórios.

Depois de dez anos de pesquisas, Marsh descobriu que no final dos anos 90 do século XVI, Shakespeare era inquilino da chamada companhia Leathersellers, que se dedicava à venda de couro no período elisabetano, de acordo com a rede "BBC". O mais provável é que sua casa estivesse entre as várias propriedades com vista para cemitério da Igreja St. Helen.

Marsh, diretor do departamento de teatro do Victoria and Albert Museum, em Londres, disse que o lugar onde o escritor morou permite conhecer o que lhe inspirou para elaborar as suas obras.

"Poucos anos depois de ir de Strattford (noroeste da Inglaterra) para Londres, ele estava morando em uma das áreas mais ricas da cidade, ao lado de personalidades poderosas, comerciantes internacionais, médicos da sociedade e músicos experientes. Os comerciantes tinham conexões em toda a Europa e os médicos estavam ligados ao pensamento progressista mais recente em universidades da Itália e da Alemanha. Viver em uma das potências de Londres teria reforçado o status de Shakespeare enquanto desenvolvia a sua carreira, buscava um brasão para a sua família e planejava comprar uma casa espetacular e cara em Stratfford", acrescentou o historiador.

Anos depois, em setembro de 1666, Londres sofreu um incêndio que devastou o centro da cidade.

Entretenimento