PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Redação da Agência Efe ratifica equipe que dirigirá sua transformação

27/02/2019 20h12

Madri, 27 fev (EFE).- A redação da Efe ratificou, por ampla maioria, a nomeação dos novos diretores de jornalismo da agência. A nova equipe tem o objetivo de liderar uma profunda transformação digital, de produtos e de estratégia.

O processo inclui a reestruturação ambiciosa e global da redação e o desenvolvimento de projetos de verificação contra a desinformação, a melhora dos produtos, o desenvolvimento de novas tecnologias e a incorporação de processos de automatização e inteligência artificial para melhorar a cobertura e o jornalismo da agência.

As nomeações são as de Soledad Álvarez como chefe de Informação, Esther Rebollo como diretora de Internacional e Emilia Pérez como diretora de Economia. Elas se unem a uma equipe de redação com Luis Sanz à frente da área Nacional; Luis Villarejo em Esportes, e Carlos Gosch em uma nova área temática.

Marta Cerame e Esther Borrell se mantêm à frente dos departamentos da área visual (TV/Vídeo e Fotografia, respectivamente).

José Manuel Sanz, que era o diretor de Internacional, será responsável pelas relações internacionais da Efe, com o objetivo de reforçar a presença exterior da agência em diferentes fóruns.

Nas nomeações foi levado em conta o critério de igualdade de gênero, dentro da estratégia da direção da agência.

O Comitê de Informação aprovou também de forma unânime a necessidade de realizar um processo de reestruturação da Efe, que será submetido ao critério do Comitê de Empresa e ao Conselho de Redação.

Com a nova equipe de direção, entrou em andamento a reforma da redação e os processos sobre os quais trabalharam dezenas de profissionais da agência durante os últimos meses em diferentes grupos de trabalho, em um processo de participação sem precedentes na Efe.

Este processo de intensa mudança foi anunciado pelo presidente da Agência Efe, Fernando Garea, às diferentes bancadas parlamentares em seu pronunciamento no Congresso no início de seu mandato. O apoio foi unânime, assim como recentemente em relação à Comissão de Orçamentos da Câmara dos deputados.

As mudanças na redação completam a renovação das diretorias da agência após o fortalecimento da área de Desenvolvimento de Negócios com a designação de Angel Aguado como responsável na Espanha e na Europa, Manuel Ortega nos Estados Unidos, Emilio C. Sánchez na América Central, e Manuel Fuentes na América do Sul. Esta nova estrutura está projetada para fortalecer a presença da Efe no mundo todo com novas ofertas informativas e pretende fortalecer e apoiar os delegados em cada país de atuação com uma clara divisão de funções.

Os novos projetos de transformação digital incluem melhorias em todos os processos internos da agência para incorporar novas tecnologias que desenvolvam ao máximo o potencial, a experiência e as capacidades dos jornalistas da Efe que a cada dia produzem informações de qualidade em mais de 100 países.

A agência está incorporando e desenvolvendo novos projetos para fortalecer a área audiovisual com um plano de jornalismo móvel (MoJo Journalism), novas plataformas de streaming e vídeo online para produzir mais conteúdos e atender à crescente demanda audiovisual digital, e está iniciando projetos de reconhecimento da linguagem natural, jornalismo de dados e automatização, incorporação de tecnologias como a inteligência artificial e machine learning.

Nas próximas semanas será lançada uma nova plataforma de distribuição (Efeservicios) com mais atratividade e funcionalidades, que permitirá aos clientes acessar mais facilmente os conteúdos da Efe com uma maior oferta. Mas também facilitará um melhor controle dos conteúdos de maior demanda e utilizados por mais de 3.500 clientes da agência no mundo todo.

A área de Tecnologia trabalha na melhora das plataformas digitais e no desenvolvimento do sistema editorial para aumentar as capacidades de produção e das ferramentas dos jornalistas e demais profissionais da Efe.

Outro objetivo chave da agência é criar uma forte equipe de verificação e luta contra as notícias falsas. A presidência decidiu criar uma equipe interdisciplinar com integrantes de diferentes áreas da redação e recursos tecnológicos.

A agência está em processo de incorporação às maiores associações internacionais de verificação como The Trust Project, International Fact Checking Network e First Draft News. Além disso, começou uma parceria com verificadores espanhóis e latino-americanos para criar uma rede de detecção e contraste de informações com o objetivo de oferecer as notícias mais críveis e com maior veracidade.

A direção trabalha na adaptação do SIEG, o novo marco jurídico da agência, ao orçamento da Espanha para garantir o financiamento e um plano de negócios operacionais. O objetivo principal é a sustentabilidade econômica e o desenvolvimento da atividade jornalística no mais alto nível com o reforço de várias áreas de cobertura, o lançamento de novos produtos e o reforço da parceria com outras agências e veículos de imprensa.

Essas mudanças se unem a outras como o compromisso dos principais partidos espanhóis em apoiar a eleição parlamentar para a presidência da Efe (que já consta em um documento apoiado pelas maiores bancadas do Parlamento) para dar estabilidade à agência; a recuperação do Conselho de Redação após quatro anos de bloqueio; a elaboração de um plano de igualdade de gêneros; o desenvolvimento do portal Efeminista e a realização de reuniões periódicas com todos os delegados internacionais, entre outras. EFE

Entretenimento