PUBLICIDADE
Topo

"O Grinch" domina bilheteria nos EUA com folga

12/11/2018 23h30

Los Angeles (EUA), 12 nov (EFE).- A animação "O Grinch" dominou com folga a bilheteria nos Estados Unidos neste final de semana ao arrecadar US$ 67,6 milhões em seus primeiros sete dias de exibição, informou nesta segunda-feira o portal especializado Box Office Mojo.

"O Grinch", dos diretores Yarrow Cheney e Scott Mosier e com as vozes de Benedict Cumberbatch e Rashida Jones na sua versão original, retoma o popular personagem criado pelo Dr. Seuss, a criatura irritada de cor verde que tenta por todos os meios arruinar o Natal para a cidade de Whoville.

Já o segundo posto na bilheteria ficou com "Bohemian Rhapsody", que somou US$ 31,2 milhões para uma arrecadação total no mundo todo que já chega a US$ 286,3 milhões.

O filme de Bryan Singer, protagonizado por Rami Malek, narra o nascimento do Queen em 1970 e a transformação do adolescente Farrokh Bulsara em Freddie Mercury.

O pódio foi completado por "Operação Overlord", que na sua estreia conseguiu US$ 10,2 milhões nas bilheterias.

Dirigido por Julius Avery, "Operação Overlord" é um filme ambientado na II Guerra Mundial que narra a história de um grupo de paraquedistas americanos prestes a embarcar em uma perigosa missão na qual terão que lutar contra uma presença estranha e sobrenatural se quiserem sobreviver.

O quarto lugar na arrecadação ficou com "O Quebra-Nozes e os Quatro Reinos", que conseguiu US$ 10,1 milhões.

Este filme de Lasse Hallström e Joe Johnston, com Mackenzie Foy, Keira Knightley, Helen Mirren, Morgan Freeman e Eugenio Derbez no elenco, é uma luxuosa superprodução baseada no conto de fadas escrito por E.T.A. Hoffman em 1816 e adaptado ao balé por Pyotr Ilyich Tchaikovsky.

Por último, "Nasce Uma Estrela" somou mais US$ 7,8 milhões a um total acumulado no mundo que se situa até o momento em US$ 323,9 milhões.

A estreia por trás das câmeras de Bradley Cooper conta como uma jovem cantora (Lady Gaga) alcança o estrelato enquanto seu parceiro, um artista assolado pelos fantasmas do passado (Cooper), começa a afundar-se no álcool e nas drogas.