Topo

Entretenimento

Criador das populares esculturas "Love", Robert Indiana morre aos 89 anos

AP Photo/Pat Wellenbach
Robert Indiana Imagem: AP Photo/Pat Wellenbach

De Washington (EUA)

22/05/2018 11h30

O artista americano Robert Indiana, conhecido por suas esculturas e desenhos com a palavra Love (amor, em tradução do inglês), morreu no último fim de semana aos 89 anos de idade, informaram nesta terça-feira os veículos de imprensa dos Estados Unidos.

Indiana, um dos principais representantes da corrente "pop art", morreu por causa de uma falha respiratória em sua casa em Vinalhaven Island, no Maine, no nordeste dos Estados Unidos.

O artista se tornou famoso na década de 1960 com sua icônica escultura da palavra Love, com as duas primeiras letras sobre as duas últimas, e que foi apresentado em diversos padrões de cores.

Matt Rourke/AP Photo
Escultura na Philadelphia Imagem: Matt Rourke/AP Photo

Posteriormente, o artista realizou séries de cartazes e serigrafias com o mesmo motivo e que foram as que mais lhe trouxeram popularidade em todo o mundo.

Após estudar na School of the Art Institute em Chicago, Robert Indiana se mudou para Nova York para começar sua carreira como artista, e lá conheceu vários pintores, como Ellsworth Kelly e Cy Twombly, com os quais colaborou.

Em 1964, Robert realizou o primeiro desenho de Love e, desde então, esta se transformou em sua peça mais popular.

No entanto, o próprio artista lamentou o fato de Love ter sido "a obra de arte mais plagiada do século 20", e que acabou ofuscado seus outros trabalhos artísticos.

Em 2013, o Museu Whitney de Nova York montou sua última grande retrospectiva, intitulada precisamente "Robert Indiana: Além de Love".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento