Topo

Entretenimento

Sutras budistas são arrematados em leilão por US$ 30 milhões em Hong Kong

03/04/2018 09h35

Pequim, 3 abr (EFE).- A casa de leilões Sotheby's informou nesta terça-feira que duas escrituras budistas (sutras) foram arrematadas em Hong Kong por US$ 30,4 milhões, um valor recorde para esse tipo de artigo.

Os chamados "Sutras da Sabedoria Imperial", pertencentes à dinastia Ming (1348-1644), da China, e considerados a escritura budista mais importante já colocada à venda em um leilão, foram encarregados pelo imperador Xuande no início do século XV.

A Sotheby's destacou em comunicado que esses são os únicos manuscritos imperiais do tipo que não estão expostos no Museu Nacional do Palácio em Taipé (Taiwan), onde está guardada boa parte da antiga coleção da Cidade Proibida de Pequim.

Há um século, os sutras estavam em poder de um rico colecionador japonês em Kioto, mas sua pista foi perdida até que os manuscritos voltaram a aparecer em uma coleção sobre arte e cultura da dinastia Ming organizada em 2014 pelo Museu Britânico.

No leilão de hoje, também se destacou a venda de uma tigela de porcelana dourada e rosa da dinastia Qing (1644-1911), quase única em estilo, que alcançou um preço de US$ 30,4 milhões.

A tigela "falangcai", como é conhecida nos circuitos artísticos, não aparecia no circuito de leilões há 30 anos e só há outro recipiente de cores e desenho similares no Museu Nacional do Palácio taiwanês.

Por outro lado, a mais famosa obra do pintor imperial Qian Weicheng (1720-1772) com o título "Dez paisagens auspiciosas de Taishan", foi arrematada no leilão de hoje por US$ 18,7 milhões.

A obra, pintada em 10 seções com paisagens separadas, inclui poemas inscritos pelo imperador chinês Qianlong e seu leilão, depois de ficar 100 anos longe do circuito comercial, foi bastante concorrido e durou mais de 40 minutos, explicou a Sotheby's.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento