Topo

Entretenimento

Moradores de Kiribati e Samoa são os primeiros a celebrar o início de 2018

31/12/2017 08h52

Bangcoc, 31 dez (EFE).- Os cidadãos das nações insulanas de Kiribati e Samoa, situadas no Pacífico sul, foram os primeiros do mundo a saudar a chegada de 2018.

Estes arquipélagos, cuja população combinada supera 300.000 habitantes, escutaram as 12 badaladas à meia-noite local (8h de Brasília) e iniciariam assim o dia 1º de janeiro.

Os próximos a saudar o Ano Novo serão os moradores da ilha neozelandesa de Chatham, situada 680 quilômetros ao sudeste das ilhas principais desse país.

Mais adiante, os demais habitantes da Nova Zelândia e a população de Fiji e Tonga celebrarão o novo ano.

A expectativa é que cerca de 30.000 pessoas assistam ao espetáculo de laser e fogos de artificio na Sky Tower, um edifício de 328 metros de altura e uma das construções mais emblemáticas de Auckland, cidade situada no norte da Nova Zelândia, segundo a emissora "Radio New Zealand".

Por sua vez, o Ano Novo chegará na maior parte do território australiano às 11h de Brasília.

O ator australiano Hugh Jackman colaborou no design do espetáculo pirotécnico que iluminará o réveillon na Baía de Sydney, onde as autoridades preveem a presença de 1,6 milhão de pessoas.

A polícia pretende bloquear com carros e caminhões algumas ruas de Sydney para evitar ataques terroristas com veículos, como os ocorridos nos últimos anos em países como Espanha, Estados Unidos, França, Reino Unido e Suécia.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento