Topo

Entretenimento

Salar de Uyuni supera heróis e ganha cena em "Os Último Jedi" na Bolívia

14/12/2017 15h15

La Paz, 14 dez (EFE).- Luke Skywalker, general Leia Organa, Rey e Kylo Ren: nenhum dos protagonistas de "Star Wars: Os Último Jedi" interessava mais aos bolivianos do que o Salar de Uyuni, um dos cenários usados no filme, que estreou nesta quinta-feira no país.

Centenas de bolivianos foram aos cinemas fantasiados de seus heróis preferidos para assistir ao segundo episódio da terceira trilogia da saga, que retrata uma de suas batalhas galáticas no Salar de Uyuni, o que emocionou os fãs da série no país.

"Um momento muito decisivo, como uma pequena referência ao 'Império Contra-Ataca de 1980'", explicou à Agência Efe Mauricio Céspedes, cofundador de um fã clube de Star Wars na Bolívia.

Céspedes citava as semelhantes entre esse último episódio da série e o quarto, lançado há quase três décadas.

"Me parece muito emocionante como exploraram o salar. Vemos os efeitos, mas reconhecemos o salar", indicou o fã.

Situado a mais de 3.600 metros de altura, o Salar de Uyuni é um dos principais pontos turísticos do país. Acompanhado de uma legião de fãs, Céspedes foi à estreia com grande expectativa para o filme.

"É muito mais dinâmico que o anterior, o roteiro está muito mais trabalhado. E, visualmente, ele se parece mais como um 'making off' dos anteriores", afirmou o fã.

Desde a tarde de ontem, os fãs se reuniram no café Tatooine, inspirado em um dos planetas fictícios que aparecem na saga, para sair em caravana na sala de cinema onde assistiriam ao filme.

"O fato de o filme incluiu o Salar Uyuni como uma das suas localizações favorecerá as bilheterias aqui. As poucas pessoas que nunca viram 'Star Wars' na Bolívia foram para ver o salar, para ver como ele foi utilizado", ressaltou.

"Ver nos créditos a palavra 'Bolívia' foi muito emocionante", disse Céspedes.

O governo da Bolívia quer aproveitar essa oportunidade e está estudando a instalação de uma estátua de "Star Wars" no salar, assim como já há na região uma homenagem ao Rali Dacar.

Para o fã da saga, a ideia parece positiva, já que explorar turisticamente o lugar também é uma forma de preservá-lo. A verdade é que a presença do Salar de Uyuni no filme fez com que os bolivianos lotassem as salas de cinema do país e deve fazer outros irem ao cinema para aproveitar de um de seus mais importantes pontos turísticos nas telonas.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento