Entretenimento

Arqueólogos encontram 4 túmulos faraônicos intactos de crianças no Egito

14/12/2017 12h12

Cairo, 14 dez (EFE).- Uma missão de arqueólogos suecos e egípcios descobriram quatro túmulos faraônicos intactos de crianças da XVIII dinastia faraônica (de 1550 a 1295 a.C.) perto da cidade de Assuã, no sul do Egito, anunciou nesta quinta-feira o Ministério de Antiguidades.

A descoberta, feita na cidade de Gebel el-Silsila, consiste em quatro túmulos escavados na rocha e pertencem a crianças com idades entre dois e nove anos, conforme um comunicado oficial. Duas tumbas tinham grande quantidade de objetos funerários, incluindo amuletos e um artigo de cerâmica.

De acordo com o diretor do setor de Antiguidades do Ministério, Ayman Ashmawy, algumas das múmias ainda conservam a coberta de linho e estão repletas de material orgânico que procede do sarcófago de madeira. Já conforme a diretora da missão sueca, Maria Nilsson, a novidade joga mais luz à informação que se tinha sobre os costumes fúnebres e sobre aspectos sociais, econômicos e religiosos relativos à vida cotidiana da época da XVIII dinastia.

Hoje, o Ministério também anunciou a descoberta de parte de um cemitério do Primeiro Período Intermédio (de 2190 a 2052 a.C.) numa colina na cidade de Kom Ombo, encontrada por uma missão austríaca. O cemitério, que contém tumbas construídas em adobe e que abrigam vários objetos fúnebres e peças de cerâmica, foi construído acima de um povoado da época do Antigo Império do Egito, onde foi achada uma imagem no teto com referências ao faraó Sahurê (2471-2458 a.C.), da V dinastia.

Em outra jazida próxima à Assuã, uma equipe suíço-egípcia descobriu uma estátua feminina da era greco-romana, cuja forma é similar à deusa Ártemis. A peça foi talhada em calcário, mas está sem a cabeça, um pé e uma mão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo