Topo

Entretenimento

Sem Kevin Spacey, "House of Cards" retomará gravações no início de 2018

04/12/2017 16h44

Los Angeles (EUA), 4 dez (EFE).- A Netflix firmou um acordo para retomar as gravações da sexta e última temporada de "House of Cards" no início de 2018, sem a presença do ator Kevin Spacey, protagonista da série, e envolvido em um escândalo de abusos sexuais.

O anúncio foi feito nesta segunda-feira pelo chefe de conteúdo da Netflix, Ted Sarandos. A produção de "House of Cards" foi temporariamente suspensa em outubro após as acusações contra o ator.

A sexta temporada da série será composta por oito episódios e terá como protagonista Claire Underwood, interpretada por Robin Wright, e esposa de Frank Underwood, o personagem de Spacey.

"Estamos realmente entusiasmados de chegar a um acordo para a conclusão da série", reconheceu Sarandos em entrevista coletiva.

A Netflix anunciou no início de novembro o fim das relações com Kevin Spacey. Na época, a empresa afirmou que não continuaria produzindo "House of Cards" se o ator não deixasse a série.

"A Netflix não estará envolvida em nenhuma produção de 'House of Cards' que inclua Kevin Spacey. Seguiremos trabalhando com a MRC (Media Rights Capital) durante essa interrupção para avaliar nosso caminho futuro em relação à série", indicou a empresa na época.

Spacey foi acusado pelo também ator Anthony Rapp de tê-lo abusado sexualmente em 1986, quando ele tinha apenas 14 anos. Após essa denúncia, várias outras acusações foram feitas contra o protagonista de "House of Cards", inclusive de pessoas que trabalhavam na série.

A denúncia de Rapp fez Spacey revelar ser homossexual e afirmar que não lembrava do episódio. "Se eu me comportei então da maneira que ele descreveu, eu lhe devo a mais sincera desculpa", disse o ator em mensagem publicada no Twitter.
 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento