Entretenimento

Filho de Richard Dreyfuss também acusa Kevin Spacey Spacey de assédio

06/11/2017 12h50

Los Angeles (EUA), 6 nov (EFE). - O ator Harry Dreyfuss, filho do também ator Richard Dreyfuss, acusou Kevin Spacey de ter tocado nele na frente de seu pai, que não percebeu o que acontecia.

Em uma longa carta enviada ao portal "Buzzfeed", o jovem, atualmente com 27 anos, afirmou que no fim de 2008, quando tinha 18 anos, ele foi visitar o pai em Londres, onde participava da peça "Complicit" no Teatro Old Vic, que era dirigido por Spacey. Em uma noite, os dois foram ao apartamento de Spacey para um ensaio.

Lá, o astro se sentou ao lado Harry no sofá e colocou a mão em sua coxa. Ele se levantou e foi para outro lugar, mas Spacey foi atrás e repetiu a manobra, desta vez com as mãos na entre coxa do rapaz.

O filho de Richard contou que olhou profundamente para Spacey e disse que não, tentando não chamar a atenção do pai.

"Eu pensei que estava protegendo todos. Eu estava protegendo a carreira do meu pai. Eu estava protegendo Kevin, porque meu pai provavelmente ia querer dar um soco nele. Eu estava me protegendo, porque pensei que um dia gostaria de trabalhar com aquele cara", lembrou.

Harry admitiu que passou os anos seguintes contando a história em festas como algo engraçado, como forma de não assumir que tinha sido vítima, e precisou de quase cinco anos para falar do assunto com o pai.

"Agora, tendo tido nove anos para processá-lo, finalmente é claro para mim como o comportamento de Kevin foi errado", afirmou ele, apesar de dizer que não se sentiu traumatizado ou ameaçado.

Segundo o jovem, depois de ver várias mulheres se unirem contra os abusos sexuais de Harvey Weinstein, ele pensou que tinha que falar publicamente do que aconteceu para exigir "um mundo melhor".

"Um mundo em que os homens poderosos não se sintam mais seguros para fazer isso ou muito pior. O que me machuca sobre Kevin foi o quão seguro ele estava. Ele sabia que poderia me acariciar em um quarto com meu pai e que eu não diria nada. Ele sabia que eu não teria coragem. E eu não tive", lamenta.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo