Entretenimento

Clássico entre Real Madrid e Barcelona vai virar filme de diretor marroquino

05/08/2017 06h07

Javier Otazu.

Rabat, 5 ago (EFE).- A eterna rivalidade de alcance mundial entre Real Madrid e Barcelona já rendeu incalculáveis horas de televisão e rios de tinta em jornais, revistas e livros, mas até então não contava com um filme sobre o clássico que divide os torcedores culés e merengues.

Agora, um diretor marroquino chamado Abdelila Jauahri resolveu levar o assunto ao cinema com um filme chamado "Hala Madrid, Visca Barça", segundo disse à Agência Efe.

O filme conta que um poderoso cacique local, torcedor do Real Madrid, amedronta um povoado inteiro de Marrocos e obriga os habitantes a torcerem apenas pelo clube da capital espanhola, mas um dia um jovem procedente da Espanha desembarca no povoado e contesta a autoridade do cacique.

A rivalidade não é só esportiva, já que o cacique se proclama monárquico, enquanto que o jovem diz ser republicano, com um tom contestatório.

Mas, na realidade, o cacique é um islamita que usa o futebol para dominar seu povo com a religião e ainda fazer negócios às custas dos vizinhos, porque, segundo o diretor, o filme não fala apenas de esporte, mas também "do poder, do dinheiro e da religião quando usados para manipular as massas".

Sem revelar toda a trama, Jauahri diz que o filme não coloca um dos lados como vilão. Inclusive, segundo o cineasta, tudo termina com um desfile no qual todos os habitantes confraternizam pelas ruas com as camisetas brancas e 'blaugranas' cantando "Hala Madrid, Visca Barça e Viva Marrocos".

As gravações de "Hala Madrid, Visca Barça" acabam de terminar em Tamselhot, uma antiga fortaleza abandonada em Marrakech, e está em fase de pós-produção. Jauahri calcula que a estreia ocorrerá daqui a "quatro ou seis meses" no Marrocos.

O diretor também planeja exibir o filme na Espanha, mas para isso busca alguma empresa espanhola que o ajude nos trabalhos de produção e distribuição no país vizinho.

Não é estranho que tenha sido um marroquino a pessoa a tentar levar 'El Clásico' para o cinema, já que Real Madrid e Barcelona reúnem mais paixão do que futebol local.

Basta passear por uma cidade marroquina a qualquer dia de jogo de alguma dessas equipes para ver as ruas quase vazias e os cafés cheios de jovens com cachecóis dos times.

Os títulos de ambos são comemorados pelas ruas das cidades marroquinas com caravanas de carros buzinando durante horas e, em algumas cidades, as celebrações às vezes acabam em batalhas campais entre torcedores rivais.

Há vários grupos de torcedores no país, e algus não hesitam em pagar viagens de dois dias a Madrid ou Barcelona com o único objetivo de assistir aos jogos no Santiago Bernabéu ou no Camp Nou. EFE

fjo/vnm/id

(foto) (vídeo)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo