Entretenimento

Manchester nomeia Ariana Grande cidadã de honra após atentado de maio

12/07/2017 10h06

Londres, 12 jul (EFE).- A Câmara Municipal de Manchester (Reino Unido), por unanimidade de seus vereadores, nomeou nesta quarta-feira a cantora americana Ariana Grande cidadã de honra, em reconhecimento à atuação após o atentado terrorista de 22 de maio.

Um terrorista suicida, Salman Abedi, detonou uma bomba de fabricação caseira em uma saída da Manchester Arena, logo após o término do show da estrela do pop, provocando a morte de 22 pessoas, entre as quais sete eram menores.

O presidente da corporação municipal, Richard Leese, apresentou esta moção e descreveu a cantora de 23 anos como uma "jovem mulher americana para quem teria sido compreensível não querer voltar a este lugar".

Por outro lado, acrescentou, "trouxe consolo a milhares de pessoas e ajudou a arrecadar milhões para o fundo de emergência 'We Love Manchester'", ao voltar à cidade para fazer um show beneficente que aconteceu em junho, junto com Coldplay, Justin Bieber e Katy Perry.

A votação da iniciativa terminou com uma representação com violinos, viola e violoncelo do tema "Don't look back in anger" do Oasis, que, para o prefeito da cidade, Eddy Newman, se transformou em um "hino" pela forma na qual a população reagiu ao atentado.

Em setembro começarão os planos para levantar um memorial às vítimas na cidade.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo