Entretenimento

União Europeia vence Prêmio Princesa das Astúrias da Concórdia

21/06/2017 09h52

Oviedo (Espanha), 21 jun (EFE). - A União Europeia, o projeto de integração política e econômica surgido após a Segunda Guerra Mundial, e do qual 28 países fazem parte, ganhou nesta quarta-feira o Prêmio Princesa das Astúrias da Concórdia 2017.

A candidatura foi proposta pelo eurodeputado socialista espanhol Jonás Fernández. O júri decidiu dar a condecoração ao bloco, quando completa 60 anos da assinatura do Tratado de Roma, pela sua colaboração na implantação e difusão de "valores como a liberdade, os direitos humanos e a solidariedade" no mundo.

O grupo, que também avaliou que a UE "conquistou o mais longo período de paz da Europa moderna", destacou que essas ideais "projetam esperança para o futuro, em tempos de incerteza, propondo um exemplo de progresso e de conforto".

A assinatura do Tratado de Paris em 1951 criou a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço (CECA), uma entidade supranacional promovida pelos políticos Robert Schuman e Jean Monnet. Pensada sobre a ideia de que, à medida em que aumentasse a interdependência econômica entre os países, diminuiriam as possibilidades de conflito, a CECA regulava os setores do carvão e do aço na França e na Alemanha e estava aberta a outros Estados.

Em 1993, a CEE se transformou em União Europeia (UE) e desde 2009 se rege pelo Tratado de Lisboa, que substitui à tentativa falida de criar uma constituição europeia no início do século XXI. Atualmente, conta com 28 Estados-membros - à espera da saída do Reino Unido - e mais de 500 milhões de pessoas são beneficiadas.

Em edições anteriores, o prêmio da Concórdia foi, entre outros, para os 50 heróis de Fukushima, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e para o físico Stephen Hawking.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo