Topo

Entretenimento

Prêmio Princesa das Astúrias de Concordia é disputado por 33 candidaturas

02/09/2016 09h52

Oviedo (Espanha), 2 set (EFE).- O Prêmio Princesa das Astúrias da Concórdia 2016 será revelado na próxima terça-feira em Oviedo e a ele aspiram 33 candidaturas de 20 nacionalidades.

O da Concórdia é o último dos oito prêmios dados anualmente pela Fundação Princesa das Astúrias.

Segundo avançou nesta sexta-feira a Fundação, concorrem a este prêmio 33 candidaturas procedentes da Áustria, Brasil, Colômbia, Coreia do Sul, Cuba, Estados Unidos, Filipinas, Índia, Irlanda, Japão, México, Portugal, Rússia, África do Sul, Suíça, Timor-Leste, Ucrânia, Venezuela, Vietnã e Espanha.

Os Prêmios Princesa das Astúrias são destinados, segundo os Estatutos da Fundação, a agraciar "o trabalho científico, técnico, cultural, social e humanitário realizado por pessoas, instituições, grupo de pessoas ou de instituições no âmbito internacional".

Conforme estes princípios, o Prêmio Princesa das Astúrias da Concórdia será concedidos àqueles "cujo trabalho contribui de forma relevante à defesa dos direitos humanos, ao fomento da paz, da liberdade, da solidariedade, da proteção do patrimônio e, em geral, ao progresso e entendimento da humanidade".

Da mesma forma que o resto de prêmios, este está dotado com uma reprodução de uma escultura de Joan Miró - símbolo representativo do prêmio -, a quantidade de 50 mil euros, um diploma e uma insígnia.

O júri do Prêmio Princesa das Astúrias da Concórdia se reunirá na segunda-feira pela tarde no Hotel da Reconquista de Oviedo para iniciar as deliberações e revelerá a decisão na terça-feira.

Nesta edição já foram agraciados a atriz Núria Espert (Artes), o fotojornalista americano James Nachtwey (Comunicação e Humanidades), a historiadora britânica Mary Beard (Ciências Sociais) e o biofísico americano Hugh Herr (Pesquisa).

Também o triatleta espanhol Javier Gómez Noya (Esportes), o romancista americano Richard Ford (Letras) e a Convenção Marco das Nações Unidas sobre a Mudança Climática e o Acordo de Paris (Cooperação Internacional).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento