Topo

Entretenimento

Sítio arqueológico mais antigo do Peru celebra tradicional Festa do Sol

24/06/2016 18h24

Lima, 24 jun (EFE).- Centenas de pessoas participaram nesta sexta-feira da tradicional cerimônia da Festa do Sol, ou Hatum Kuraq Raymi (em quíchua), no complexo arqueológico Paraíso, de 4 mil anos e o mais antigo da região metropolitana da capital do Peru, Lima.

A festividade, que coincide com o solsticio de inverno e o início da época de plantio, aconteceu na margem esquerda do rio Chillón, no distrito de San Martín de Porres.

Um casal de atores, que representavam o Inca Pachacutec e sua esposa, entoaram cânticos ao Sol enquanto eram acompanhados por um séquito que levava oferendas a "Pachamama", ou "Mãe Terra".

O séquito do Inca entregou suas oferendas a uma sacerdotisa que dirigiu a cerimônia de agradecimento à terra com o objetivo de receber fecundidade no campo.

O público, formado em sua maioria por estudantes e moradores da região, participa anualmente da festa, organizada pelo Município de San Martín de Porres com o objetivo de promover o turismo local.

Paraíso é um complexo arqueológico de 41 hectares e que tem 12 construções ou estruturas piramidais que recebeu até cinco períodos de ocupação.

A celebração coincide, no Peru, com as festas de Inti Raymi, que acontece em Cuzco também em homenagem ao sol, e de São João.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento