Entretenimento

Hollande destaca erudição e grandeza de Umberto Eco

De Paris (França)

20/02/2016 14h20

O presidente da França, François Hollande, lembrou o escritor e semiólogo italiano Umberto Eco neste sábado (20) como um "imenso humanista", que "se interessava por tudo" e se sentia "confortável tanto com a história medieval quanto com as histórias em quadrinhos".

"Nunca se cansou de aprender e de transmitir sua imensa erudição com eloquência e humor. Se nutriu dos mitos e da sabedoria de todo o mundo", afirmou o chefe de Estado em comunicado divulgado pelo Palácio do Eliseu, sede do governo francês.

Hollande destacou que obras como "O Nome da Rosa" inspiraram o cinema e ressaltou que "os bibliotecários perderam um leitor insaciável, a universidade um professor deslumbrante e a literatura um escritor apaixonado".

"Presto homenagem à memória desse grande italiano que nunca deixou de ser um grande amigo da França", concluiu o presidente sobre Eco, que morreu ontem em sua casa de Milão aos 84 anos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo