Entretenimento

Jihadistas do EI instalam explosivos e minas nas ruínas históricas de Palmira

21/06/2015 11h14

Cairo, 21 jun (EFE).- Integrantes do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) colocaram neste domingo vários explosivos e minas em várias partes das ruínas da cidade de Palmira, na Síria, considerada como patrimônio da humanidade pela Unesco.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, que conta com uma rede de voluntários em todo o país, não se sabe se os jihadistas instalaram as bombas para destruir as ruínas históricas ou para evitar o avanço das forças leais ao regime do presidente Bashar al Assad, que tentam recuperar o controle da região.

As ruínas de Palmira, no centro do país, são um dos seis locais sírias incluídos como patrimônio da humanidade da Unesco. A cidade foi nos séculos I e II d.C um dos centros culturais mais importantes do mundo antigo e ponto de encontro das caravanas na Rota da Seda, que atravessavam o árido deserto do centro da Síria.

Antes do início do conflito, as ruínas de Palmira eram uma das principais atrações turísticas do país. O EI tomou o controle da cidade em maio deste ano.

Desde fevereiro, os radicais têm destruído locais e museus arqueológicos nas regiões sob seu controle no Iraque.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo