Topo

Entretenimento

Cine Ceará completa 25 anos com forte sotaque espanhol

18/06/2015 22h00

Fortaleza, 18 jun (EFE).- Com uma homenagem ao cinema espanhol foi inaugurada nesta quinta-feira a 25ª edição do Cine Ceará - Festival Ibero-Americano de Cinema -, que exibirá um total de 60 filmes até o dia 24 de junho em Fortaleza.

A noite de abertura teve uma sessão para 500 pessoas do longa "O Clube", do chileno Pablo Larraín, principal atração da seção latino-americana do evento e que ganhou o Urso de Prata no prestigiado Festival de Berlim.

Com 495 filmes inscritos nas Mostras Competitivas - 162 longas e 333 curtas -, o Cine Ceará terá nove produções na mostra Ibero-Americana de Longa-Metragem e 16 na Brasileira de Curta-Metragem.

Com uma programação de forte sotaque hispânico, o Cine Ceará aproximará o público brasileiro durante os próximos dias de oito curtos e sete longas que formam o ciclo "Mostra Novo Cinema Espanhol", liderada pela produção basca "Loreak", de Jon Garaño e José Mari Goenaga, que foi indicada em 2014 à Concha de Ouro no Festival Internacional de Cinema de San Sebastián.

Entre outros destaques estão o longa "Nem Tudo é Vigília", de Hermes Paralluelo, eleito Melhor Filme nos festivais do Uruguai e de Cosquim, e o curta "Ser e Voltar", de Xacio Baño, vencedor do Prêmio do Júri no Festival Clermont Ferrand, na França.

Além da mostra espanhola, os filmes disputarão o primeiro posto na mostra Competitiva Ibero-Americana - a principal do evento -, a mostra Competitiva Brasileira de Curtas-metragens e o Olhar Ceará.

Para comemorar seu 25º aniversário, o Cine Ceará conseguiu retornar a sua casa original, o Cine-Teatro São Luiz, no centro de Fortaleza que teve que abandonar há alguns anos devido à degradação da sala.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento