Música

Van Morrison e Kevin Spacey recebem Ordem do Império Britânico

13/06/2015 08h51

Londres, 13 jun (EFE).- O músico norte-irlandês Van Morrison e o ator americano Kevin Spacey receberam neste sábado das mãos da rainha Elizabeth 2ª a distinção da Ordem do Império britânico em reconhecimento a sua trajetória profissional.

Por causa do aniversário oficial da monarca (na realidade ela fez aniversário em 21 de abril),foi publicada uma lista com mais de 1.100 pessoas que receberão o título da ordem, entre eles os atores Benedict Cumberbatch e Eddie Redmayne, e o jogador Frank Lampard.

Aos 69 anos, Morrison, autor de canções como "Wild Night" e "Jackie Wilson Said (I'm in Heaven When You Smile)" foi reconhecido por seus serviços à indústria musical e ao turismo na Irlanda do Norte.

"Ao longo da minha carreira sempre preferi deixar que minha música falasse por mim, e é um grande honra que meu trabalho seja reconhecido agora desta maneira", disse o cantor, conhecido como o "Leão de Belfast".

Spacey, que em breve deixará o cargo de diretor artístico que ocupou durante dez anos no teatro Old Vic de Londres, recebe o título honorário por seus serviços ao teatro, à educação artística e à cultura internacional.

Em comunicado, o ator da série "House of Cards" disse estar "honrado com uma distinção como esta dada pela rainha".

"Devo agradecer ao público britânico por ter apoiado tanto meus esforços no Old Vic. Me sinto como um filho adotado", afirmou Spacey.

Redmayne, que ganhou o Oscar de melhor ator por seu papel do físico Stephen Hawking em "A Teoria de Tudo", foi reconhecido por sua contribuição às artes cênicas, o mesmo que Cumberbatch, que interpretou o cientista Alan Turing em "O Jogo da Imitação".

O enfermeiro britânico Will Pooley, que retornou a Serra Leoa para continuar seu trabalho humanitária após superar o ebola, também formará parte da Ordem do Império britânico.

O autor Michael Bond, criador do popular Urso Paddington, está na lista de personalidades distintas por Elizabeth II, assim como a jornalista britânica Caroline Criado-Perez, defensora dos direitos da mulher.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Entretenimento
Adriana de Barros
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
UOL Entretenimento
do UOL
AFP
AFP
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
Estadão Conteúdo
Música
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
AFP
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
Blog do Matias
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
Topo