Entretenimento

São Paulo Fashion Week termina com homenagem à moda africana

17/04/2015 21h53

São Paulo, 17 abr (EFE).- A Semana da Moda de São Paulo encerrou nesta sexta-feira sua 39ª edição com uma homenagem à moda africana e com estilistas icônicos da principal passarela brasileira, como Fause Hauten, Andrea Degreas e Wagner Kallieno.

Hauten não decepcionou seus admiradores com uma apresentação bem distante convencional que, nas palavras do estilista, significou um momento "para respirar e observar: o ato de vestir-se".

Apresentada em seu próprio ateliê, a coleção, inspirada em suas próprias clientes, foi vestida por uma única modelo - uma amiga sua de 41 anos - que mudou de look 14 vezes e mostrou peças contemporâneas para o dia e tradicionais trajes de noite.

Por sua vez, o Museu Afro Brasil foi o palco de uma exposição de moda africana contemporânea - que faz parte do projeto Africa Africans Moda - e no qual nesta sexta-feira desfilaram 25 modelos brasileiras negras.

Nesse evento se destacaram as criações de Palesa MokubungSu (África do Sul), Amaka "Maki" Osakwe (Nigéria) e Jamil Walji (Quênia), assim como Xuly Bëët (Mali) e Imane Ayissi (Camarões), figuras já consagradas da moda parisiense.

Na tarde do ultimo dia, a passarela principal do Pavilhão Cândido Portinari abriu com a grife Apartamento 03, do estilista Luiz Claudio, que apresentou uma mulher urbana, com estilismos simétricos e um tanto minimalistas, inspirada na liturgia de várias religiões.

As roupas exibidas principalmente em seda e em tons de branco e preto mantinham o corte alfaiate como base. Não faltaram também as túnicas em diferentes versões e os vestidos decorados com bordados e brilhantes minúsculos para a noite.

Por sua parte, Gloria Coelho demonstrou sua mestria no corte das roupas e na apresentação de peças misturadas de neopreno e couro, materiais prediletos da estilista, que combinaram com os estilismos de vinil em preto e branco, dando um toque forte e urbano à coleção.

A moda praia do último dia veio pelas mãos da marca Adriana Degreas, com uma apresentação inteiramente dedicada ao branco e preto, na qual o maiô de uma peça foi a estrela.

A modelo Line Weber passeou de novo por esta passarela, na qual se destacaram os trajes de banho e biquínis de perna muito decotada.

O último dia da São Paulo Fashion Week também contou com a marca Wagner Kallieno e seu coleção inspirada nas obras do artista espanhol Joan Miró, em uma releitura dos anos 70.

Também subiu à passarela a marca Amapo, que apresentou uma coleção supercolorida focada no jeans, enquanto a noite foi fechada pela 2nd Floor.

A 39ª edição Semana da Moda de São Paulo esteve marcada pela despedida das passarelas de Gisele Bundchen, que, entre lágrimas, disse adeus a 20 anos de desfiles.

A top, no entanto, assegurou que continuará vinculada ao mundo da moda, onde começou com apenas 13 anos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo