Entretenimento

Órgão de defesa a jornalistas condena sentença contra comentarista chinesa

17/04/2015 13h28

Nova York, 17 abr (EFE).- O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) denunciou nesta que a condenação a sete anos de prisão que recebeu a jornalista chinesa Gao Yu demonstra mais uma vez que o governo de Pequim é "incapaz de tolerar" qualquer desvio político em relação à linha oficial.

Gao Yu, jornalista dissidente de 71 anos, foi declarada culpada de "revelar segredos de Estado" por vazar uma circular oficial que pedia para se combater "males" como a democracia ocidental.

A jornalista, comentarista política para a imprensa, como a emissora alemã Deutsche Welle, foi detida em abril do ano passado e julgada em novembro, e hoje foi informada da sentença recebida.

Sua condenação "é um novo sinal claro de que o governo de Xi Jinping é incapaz de tolerar qualquer desvio em relação à linha do partido", afirmou em comunicado o coordenador do programa para a Ásia do CPJ, Bob Dietz.

A organização profissional, com sede em Nova York, afirmou que a notícia demonstra que, sob a presidência de Xi, "não só se proíbem críticas de qualquer tipo, mas serão duramente castigadas".

"Gao Yu é a última jornalista vítima dos ditames do partido", acrescentou.

Segundo dados do CPJ, em dezembro passado havia 44 jornalistas presos na China, 12 a mais do que no ano anterior na mesma época. EFE

ag/ma

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo