Entretenimento

Observatório da "Torre da Liberdade" abrirá em 29 de maio em Nova York

07/04/2015 16h58

Nova York, 7 abr (EFE).- O observatório da chamada "Torre da Liberdade", o principal edifício do novo World Trade Center, em Nova York, abrirá suas portas ao público no próximo dia 29 de maio, informou a organização nesta terça-feira.

Com 542 metros de altura, o arranha-céu mais alto dos Estados Unidos, foi construído na área destruída pelo atentado de 11 de setembro às Torres Gêmeas.

"Em 29 de maio, o One World Observatory abrirá oficialmente suas portas ao público, oferecendo aos visitantes uma oportunidade inspiradora e incomparável para experimentar Nova York", disse David Checketts, diretor da Legends, a empresa que administrará o espaço.

"A partir de espetaculares vistas panorâmicas, exibições interativas inovadoras, com opções de restaurantes de qualidade mundial, esperamos que o Observatório Mundial seja o primeiro destino e atração na cidade de Nova York para os turistas e os moradores locais", acrescentou.

As entradas para o observatório, que está situado nos andares 100, 101 e 102 do edifício, serão colocadas à venda a partir desta quarta-feira, e custarão US$ 32, embora antes da abertura oficial alguns coletivos poderão visitá-lo de graça.

Os familiares das vítimas dos atentados e os trabalhadores que participaram do resgate terão acesso gratuito.

O observatório incorpora as novas tecnologias disponíveis e os hóspedes poderão experimentar uma visita interativa, com, por exemplo, um amplo disco circular que oferecerá imagens de alta definição em tempo real das ruas de Manhattan.

A construção do arranha-céu, o maior dos Estados Unidos, começou em 2006 e sua inauguração foi adiada várias vezes, o que fez o custo das obras disparar para US$ 3,9 bilhões.

Destinada a mostrar o orgulho da recuperação nova-iorquina após a tragédia, a torre e sua agulha têm exatamente 1.776 pés de altura (542 metros), em referência ao ano da declaração de independência dos Estados Unidos, e daí deriva seu patriótico sobrenome.

Embora outros dois arranha-céus que completarão o complexo ainda estejam em construção, a abertura do One World Trade Center, unida à inauguração em maio do museu do 11/9, foi um passo fundamental na reconstrução da área destruída nos atentados de 2001.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo