Entretenimento

MoMA reúne recentes aquisições na mostra "Sites of Reason"

Reprodução
Cena do vídeo "Sense and Sense", de Emily Roysdon, do acervo do MoMa de Nova York Imagem: Reprodução

De Nova York (EUA)

04/06/2014 15h33Atualizada em 04/06/2014 16h03

Um vídeo realizado pelo escultor Richard Serra, uma instalação de Sol LeWitt e um 'print' de Eve Fowler são algumas das 16 aquisições recentes do Museu de Arte Moderna (MoMA) de Nova York, as quais serão expostas a partir de 11 de junho na mostra "Sites of Reason".

Esta exposição, que foi apresentada à imprensa local nesta quarta-feira (4) e permanecerá aberta até o próximo dia 28 de setembro, reúne trabalhos de 13 artistas, onze deles americanos, incluindo Peter Downsbrough, representado com quatro obras.

O nome da exposição faz um trocadilho com a expressão "the sight of a reason", que Gertrude Stein escreveu no livro "Tender Buttons" (1914). Neste aspecto, a proposta de Eve Fowler, por exemplo, é transformar textos de Stein em um chamativo cartaz publicitário.

"Esta exposição reúne uma seleção de trabalhos que articula as relações entre o mundo das ideias e o mundo físico, considerando a imagem, o texto e a voz (e a mistura deles) como lugares de troca entre preocupações ascéticas, conceituais e políticas", explicaram os responsáveis da exposição em uma nota.

Entre as peças mais surpreendentes, encontra-se o vídeo realizado por Richard Serra, que troca suas reconhecíveis estruturas metálicas por uma peça audiovisual de 1974, realizada junto a Nancy Holt. Intitulado "Boomerang", o vídeo tem dez minutos de duração.

Uma reinterpretação minimalista de "O Retrato de Dorian Gray", realizada por Allen Ruppersberg, os trabalhos da artista conceitual alemã Hanne Darboven e da artista de Cingapura Simryn Gill também se encontram entre as recentes aquisições do MoMA.

Seth Price, Liz Deschenes, Charles Gaines, Emily Roysdon e Matt Mullican completam o catálogo desta exposição que se baseia na tese de que, "enquanto a informação migra através de um amplo leque de formas, as possibilidades de interpretação se expandem e emergem perguntas sobre o papel que o artista assume como autor singular", segundo os organizadores.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo