Topo

Entretenimento

Escritor sueco Henning Mankell revela que tem câncer

29/01/2014 08h58

Copenhague, 29 jan (EFE).- O escritor sueco Henning Mankell, criador da popular saga de novela policialesca do detetive Kurt Wallander, revelou nesta quarta-feira ao jornal "Göteborgs-Posten" que sofre de câncer e que seu diagnóstico é "grave".

Mankell explicou que há duas semanas viajou para Estocolmo para ser tratado por um ortopedista, pensando ter hérnia de disco no pescoço, mas que, quando voltou no dia seguinte a Gotemburgo (Suécia), já tinha o diagnóstico de câncer.

"Dias depois, no centro de tratamento pulmonar da Universidade Sahlgrenska me disseram preto no branco: era sério. Tinha um tumor na parte posterior do pescoço e outro em meu pulmão esquerdo. O câncer pode ter migrado também para outras partes do meu corpo", contou Mankell.

O famoso escritor sueco, que em poucos dias fará 66 anos, está fazendo exames, antes de os médicos determinarem o tratamento que deve seguir contra a doença.

"Minha ansiedade é muito profunda, mas consigo mantê-la sob controle", desabafou em artigo intitulado "Uma luta da perspectiva da vida".

Mankell disse que desde muito cedo decidiu que queria escrever sobre sua doença e que fará isso nas páginas do jornal sueco, mas "da perspectiva da vida, não da morte".

Mankell lançou seu primeiro romance, "Bergsprängaren", em 1973, e quase duas décadas depois, publicou a primeira da bem-sucedida série protagonizada pelo inspetor Wallander, que foi adaptada à televisão. EFE

alc/tr

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento