Entretenimento

National Gallery exibe duas versões de "Os Girassóis" de Van Gogh

Leon Neal/AFP
As gêmeas Ella (esq.) e Eva posam com as duas versões da pintura "Os Girassóis", de Vincent van Gogh, expostas na National Gallery de Londres Imagem: Leon Neal/AFP

De Londres (Inglaterra)

24/01/2014 16h11Atualizada em 24/01/2014 18h00

O National Gallery de Londres conseguiu reunir pela primeira vez em 65 anos duas das cinco versões que Vincent Van Gogh (1853-1890) pintou de "Os Girassóis" em uma exposição que começa neste sábado (25) e fica aberta até 27 de abril.

O museu, que é um dos mais importantes do mundo, apresentou os quadros à imprensa nesta sexta-feira, mas já possuía um deles desde 1924, pintado por Van Gogh em 1888, enquanto o outro, de janeiro de 1889, procede do museu do artista em Amsterdã.

As três versões restantes estão em Tóquio, no Japão; em Munique, na Alemanha; e na Filadélfia, nos Estados Unidos. Por isso, é "uma oportunidade extraordinariamente insólita" ver duas delas ao mesmo tempo e poder compará-las, afirmou à Agência Efe o curador do museu, Christopher Riopelle.

Os dois quadros estão expostos na sala 46 da National Gallery e, embora sejam as únicas obras de arte do salão, estão acompanhadas por aparelhos de Raio X utilizados por ambos os museus no processo de pesquisa científica sobre as obras.

Os resultados revelam que a quantidade de tinta utilizada por Van Gogh em cada traço, como aplicava o óleo "rapidamente" com seu pincel e que o pintor acrescentou um pedaço de madeira no exemplar de Amsterdã para se ajustar melhor às dimensões que queria.

Embora muito parecidos, os dois quadros apresentam diferenças.

O holandês usou tintas "muito similares" em ambos os quadros e sua paleta de cores estava dominada por um "amarelo mate vibrante", duas faixas de verde e um azul intenso ultramarino. Já no exemplar de Amsterdã há, além disso, um azul pálido, o chamado azul da Prússia, e um vermelho intenso.

"O de Amsterdã foi feito cinco meses depois, e (Van Gogh) pinta o mesmo motivo, mas o reinterpreta, o faz mais decorativo, mais exagerado e utiliza mais cor", explicou Riopelle.

Os admirados girassóis datam de 1888, quando Van Gogh foi embora de Paris para pintar a paisagem ensolarada do sul da França.

Hospedado em uma casa na Provença, Van Gogh convidou seu amigo Paul Gauguin para que ambos pintassem juntos. Enquanto o esperava chegar, decidiu criar alguns quadros de girassóis para decorar seu quarto.

Os dois gênios da pintura trabalharam juntos por cerca de durante três meses, mas Van Gogh passou a ter crises de loucura, sofreu um colapso nervoso, cortou a orelha e foi internado em um asilo. O pintor acabou se matando com um tiro no peito em 1890.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Entretenimento

Topo