PUBLICIDADE
Topo

Fãs de "50 Tons de Cinza" fazem abaixo-assinado para pedir troca de atores

03/09/2013 21h13

Los Angeles (EUA), 3 set (EFE).- Assim como aconteceu com Ben Affleck depois do anúncio de que o ator seria o próximo intérprete de Batman, os protagonistas da versão cinematográfica do best-seller "Cinquenta Tons de Cinza" foram duramente criticados pelos fãs, que organizaram um abaixo-assinado para que Charlie Hunnam e Dakota Johnson sejam substituídos.

O ator britânico e a americana foram anunciados nesta segunda-feira nos papeis de Christian Grey e Anastasia Steele no filme que será dirigido pela diretora Sam Taylor-Wood. Os fãs pedem que Matt Bomer, protagonista da série "White Colar" e Alexis Bledel, a adolescente Rory da extinta série "Gilmore Girls", vivam os personagens.

O abaixo-assinado foi feito pelo usuário do Twitter @dontouchmypatch e alcançou nove mil assinaturas em menos de 24 horas.

"Matt Bomer é a descrição perfeita de Christian Grey e Alexis Bledel é a atriz perfeita para representar Anastasia Steele", defende o criador da proposta. "Se não são eles os escolhidos, ninguém deveria ser", acrescenta.

Um dos produtores do filme, Dana Brunetti, não se esquivou em responder as críticas. Em seu perfil no Twitter afirmou: "Muitas coisas são levadas em conta na hora de montar um casting, não só o aspecto físico. Talento, disponibilidade, desejo de interpretar o papel, química com o outro ator. Se seu ator favorito não foi escolhido possivelmente tem a ver com uma dessas razões. Lembre-se disso e mantenha a perspectiva".

A confirmação de Dakota Johnson, de 23 anos, põe fim a meses de especulação, quando foram levantados nomes como o da inglesa Emma Watson (a Hermione na saga de Harry Potter) para o papel da pura Anastasia, que na ficção sucumbe aos encantos de Grey.

Hunnam, de 33 anos e natural de Newcastle, já tinha sido sondado como possível candidato em uma lista que tinha como favorito o canadense Ryan Gosling.

Dakota Johnson estreou no cinema junto com sua mãe em "Loucos do Alabama" (1999), dirigida pelo espanhol Antonio Banderas, mas é mais conhecida por seus papéis secundários em "Cinco Anos de Noivado" (2012) e "A Rede Social" (2010).

Hunnam também é relativamente desconhecido do grande público. Ele se destacou em séries, como "Queer as Folk" e "Undeclared", e interpretou Raleigh Becket no recente filme "Círculo de Fogo" (2013), de Guillermo Del Toro.

"Cinquenta Tons de Cinza" é o primeiro de uma trilogia que transformou a dona de casa E.L. James em milionária e narra a relação entre uma inocente jovem e um poderoso empresário de passado obscuro que quer submetê-la a uma relação sadomasoquista.