Topo

Entretenimento

Grupo de comunicação espanhol Prisa anuncia que crescerá na América Latina

22/06/2013 10h05

Madri, 21 jun (EFE).- O presidente-executivo do grupo espanhol de comunicação Prisa, Juan Luis Cebrián, anunciou neste sábado que seguirá em seu cargo até dezembro de 2015 e assegurou que prevê expandir-se na América Latina.

Cebrián fez este anúncio durante a realização da Junta Geral de Acionistas da Prisa, perante a qual manifestou que o grupo apostará pela expansão na América Latina nos próximos anos e, por exemplo, lançará uma edição em português destinada ao mercado brasileiro.

Lembrou que as rádios latino-americanas da Prisa já representam mais de 60% do faturamento da divisão e que "Rádio Caracol", da Colômbia, é, em termos absolutos, mais rentável que a "Cadena SER" da Espanha.

A editora Santillana também crescerá na América para captar mais de meio milhão de alunos novos para seu sistema de ensino digital.

Na Junta, da qual participaram 705 acionistas, equivalentes a 43% do capital, Cebrián comentou que a viabilidade do grupo "se verá garantida" se for aprovado o plano apresentado na semana passada a seus credores financeiros.

Cebrián destacou que a Prisa, presente em 22 países e com 52 milhões de clientes, é um grupo de empresas que respondem a valores comprometidos com a manutenção e o desenvolvimento dos regimes democráticos.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento