Topo

Entretenimento

Rihanna e Jennifer López esquentam o tapete vermelho dos Grammy

11/02/2013 01h49

Los Angeles (EUA), 10 fev (EFE).- Rihanna e Jennifer López se encarregaram de aquecer o tapete vermelho na 55ª edição dos prêmios Grammy, que voltou a ser repleto de sensualidade, apesar das advertências do canal de televisão "CBS", que pediu para os artistas para serem comedidos na hora de escolher seus vestidos.

Rihanna exibiu um espetacular vestido vermelho de Azzedine Alaïa com decote nas costas, enquanto López foi a mais desafiante com um vestido preto assimétrico com abertura até o quadril, de Anthony Vaccarello.

A cantora de origem porto-riquenha apostou em combiná-lo com uma bolsa dourada e sandálias pretas e douradas.

"Não disseram nada sobre as pernas! Eu achei que estava sendo uma boa menina. Um pouco de ombro, um pouco de perna...", explicou López para a imprensa.

Além disso, Taylor Swift apostou em um modelo branco transparente com abertura lateral de J. Mendel, acompanhado por aplicações de pedraria em cor prata, enquanto Nicole Kidman foi vista com um vestido de cor cobre de Vera Wang.

Beyoncé Knowles surgiu mais do que elegante com um macacão apertado em preto e branco.

Adele e Katy Perry, por outro lado, tiveram menos sorte com suas escolhas.

A britânica, com rolo de cabelo e pendentes de diamantes, foi ao evento com um vestido vermelho com transparências nas mangas e sapatos combinando.

Perry escolheu um vestido cor de menta inspirado, segundo reconheceu, nos modelos de Priscilla Presley nos anos 70, com decote baixo e pedras no pescoço.

O canal "CBS", encarregado de transmitir a festa nos EUA, enviou na semana passada um e-mail aos convidados solicitando que os "bumbuns e seios femininos sejam cobertos adequadamente" para evitar vestidos polêmicos como o Versace que a própria Jennifer López exibiu na edição de 2000 ou o de Lil'Kim em 1999, que deixavam pouco lugar para a imaginação.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento