Entretenimento

Blocos cariocas dão a largada a duas semanas do Carnaval oficial

Marco Teixeira / UOL
26.jan.2013 - Folião oferece uma flor durante carnaval de rua do bloco Imprensa Que Eu Gamo no RJ, uma das atrações na antecipação do carnaval carioca Imagem: Marco Teixeira / UOL

26/01/2013 20h39

O Rei Momo só receberá oficialmente as chaves do Rio de Janeiro no dia 8 de fevereiro, mas o reinado de alegria, música e festa começou na sexta-feira (25) com o desfile dos primeiros foliões pelas ruas. Pelo menos 16 blocos abriram a folia com seus desfiles faltando duas semanas para o Carnaval.

A tradicional "Banda de Ipanema", com seu colorido exército de drag queens, tomou as ruas do bairro de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, enquanto o "Imprensa que Eu Gamo", fundado por jornalistas, fez o mesmo em Laranjeiras, reunindo 10 mil pessoas.

Laranjeiras também foi passarela para o desfile do "GB Bloco", enquanto a Lagoa viu passar a alegria do "Spanta Neném" e por Botafogo a de "Calma Calma, Sua Piranha!", entre outros blocos de nomes sugestivos.

O primeiro a encher as ruas muito cedo, no entanto, foi o "Desliga da Justiça", que invadiu as ruas da Gávea com dezenas de Mulheres-Maravilha, Super-Homens e Batmans.

O tempo ajudou os foliões que madrugaram, já que no final da tarde uma forte chuva dispersou alguns grupos, embora não tenha sido suficiente para esfriar os ânimos de muitos que pulavam atrás das orquestras fantasiados.

"Nada faz o Carnaval ficar menos forte, menos alegre, menos feliz. Nem a chuva nem nada. O carioca é um povo feliz. Rio é o Carnaval e o Carnaval sou eu também", disse à Agência Efe a drag queen Juju Maravilha, com uma fantasia em homenagem a Carmen Miranda no desfile da Banda de Ipanema.

O tempo fechado impediu que a Banda de Ipanema arrastasse a mesma multidão de outros carnavais mas não impediu as homenagens a Vinicius de Moraes e Rubem Braga - que neste mês estaria fazendo 100 anos, que são considerados fundadores do tradicional bloco.

Outra personalidade homenageada foi Oscar Niemeyer, que morreu no mês passado aos 104 anos.

Os cerca de 40 músicos da banda que animou a Banda de Ipanema levaram ao delírio uma drag queen que cantava com uma reprodução muito colorida da Torre Eiffel sobre a cabeça e dois rapazes que se roubaram a cena ao andarem abraçados até a frente do desfile seguidos por um fotógrafo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Entretenimento

Topo