Topo

Entretenimento

Milhões de taiuaneses vão às ruas celebrar a chegada de 2013

31/12/2012 10h26

Taipé, 31 dez (EFE).- Multidões de taiuaneses estão recebendo o Ano Novo em comemorações de rua organizadas pelos governos locais, com espetáculos musicais, contagens regressivas e grandes festas públicas, entre elas uma com temática LGBT que reúne dezenas de milhares de homossexuais asiáticos em Taipé.

Taipé é uma das cidades favoritas dos gays asiáticos para a celebração do Ano Novo. Desde o Natal, milhares de gays procedentes de Hong Kong, Macau, Cingapura, Malásia, Japão, Coreia do Sul e China chegaram a Taiwan para a megafesta.

Na capital insulana, a grande festa de fim de ano se celebra ao redor do arranha-céu Taipé 101, até poucos anos atrás o mais alto do mundo, com as atuações de celebridades asiáticas como a cantora Chang Hui-mei e os cantores Harlem Yu e Aaron Kwok de Hong Kong.

Mais de 800 mil pessoas se reúnem ao redor do Taipé 101 para ver os fogos de artifício e a contagem regressiva no arranha-céu.

Festas semelhantes, algumas de fantasias, acontecem em quase todas as cidades ilhoas.

Este ano um dos lemas é "comemorar sem sujar" e "cooperar em limpar as cidades", com o desdobramento de depósitos móveis para recolher lixo e uma campanha de estudantes para cooperar com os lixeiros depois das celebrações.

Este foi um ano muito especial para os taiuaneses, já que coincidiu com o Ano do Dragão (de 23 de janeiro de 2012 a 9 de fevereiro de 2013) no calendário chinês, e serviu para elevar a taxa de natalidade de 0,89 filhos por mulher, em 2010, para 1,2 filho entre janeiro e novembro de 2012, segundo dados do Ministério do Interior da ilha.

Os anos do Dragão, segundo a astrologia chinesa, são de bom auspício para os nascimentos e entre janeiro e novembro de 2012 se registraram em Taiwan 208.279 nascimentos, e espera-se que até o fim do ano o número chegue a 230 mil.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento