Topo

Entretenimento

Mostra de arte reduz distância entre centro e periferia em São Paulo

21/08/2012 22h20

Visando reunir as correntes culturais metropolitanas e os movimentos artísticos da periferia, uma mostra de múltiplas linguagens que mescla literatura, música, artes cênicas e audiovisuais foi inaugurada nesta terça-feira (22), em 30 espaços da cidade de São Paulo.

Na segunda edição da mostra cultural "Estéticas das Periferias - Arte e Cultura nas Bordas da Metrópole", uma seleção de artistas e grupos culturais exibirão e debaterão seu trabalho ligado à periferia até o dia 30.

"No universo da cultura, o centro está em todas as partes", disse o jurista Miguel Reale, como registra uma placa em uma praça do campus da Universidade de São Paulo (USP), e a frase se tornou o mote de vários órgãos públicos e privados envolvidos nas atividades.

A iniciativa se divide em uma mostra de perfil artístico e um seminário com uma abordagem acadêmica que acontecerão em diferentes pontos por toda a cidade, explicou à Agência Efe uma fonte do CCE_SP, órgão da Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (Aecid).

A abertura e o encerramento da mostra terão dois shows inéditos de samba. Os artistas Criolo, Rodrigo Campos e Kiko Dinucci se apresentam juntos hoje, e o encerramento contará com a participação de Osvaldinho da Cuíca e do escritor Paulo Lins.

O principal objetivo do festival é revelar que o circuito artístico de São Paulo vai além das rotas dos guias culturais, que se restringem a pouco mais de 20 dos 96 distritos de São Paulo, segundo o manifesto do evento.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento