Topo

Entretenimento

Mostra "Caravaggio e Seus Seguidores" leva 7 obras do gênio italiano ao Masp

02/08/2012 15h43

São Paulo, 2 ago (EFE).- Uma seleção do universo pictórico de Caravaggio e algumas significativas peças de artistas que seguiram uma visível influência do pintor italiano se reúnem em uma mostra de 22 obras - a "Caravaggio e Seus Seguidores", inaugurada nesta quinta-feira no Museu de Arte de São Paulo (Masp).

Com curadoria de Fábio Luiz, no Brasil, e Giorgio Leone, na Itália, a exposição, através de sete pinturas de Caravaggio e 14 obras de outros artistas, com destaque para José Ribera, apresenta ao público toda maestria do pintor italiano em seu absoluto domínio da representação da luz, a relação entre claro e escuro.

A mostra, que é aberta com o emblemático quadro "São Jerônimo Que Escreve", se destaca ao apresentar a obra "Medusa Murtola", identificada recentemente como uma Medusa Original (também pintada por Caravaggio), em sua primeira viagem fora da Itália.

Após o encerramento da mostra em São Paulo, no dia 30 de setembro, a exposição "Caravaggio e Seus Seguidores" será apresentada em Buenos Aires.

Dono de um temperamento intenso, o pintor italiano, ao longo de sua vida, se envolveu em inúmeros processos judiciais e também teve que fugir de várias cidades, incluindo Roma, onde chegou a ser condenado à morte por conta de um assassinato.

Em uma tentativa de voltar à Cidade Eterna, o pintor acabou morrendo no Porto Ercole com apenas 38 anos. Apesar da pouca idade, o pintor italiano deixou um legado de 62 quadros e uma inimitável maneira de retratar a luz.

Mais Entretenimento