Entretenimento

Musical inspirado nos personagens de "Chaves" chega aos EUA

Divulgação/Reprodução SBT
Personagens da série mexicana "Chaves", sucesso de público no SBT Imagem: Divulgação/Reprodução SBT

De Chicago (EUA)

13/04/2012 17h37

Após mais de um ano de turnê pelas principais cidades da América Latina, o musical inspirado na série de televisão "Chaves" chegará aos Estados Unidos, anunciaram nesta sexta-feira seus produtores.

A obra será apresentada sob a tutela de Roberto Gómez Bolaños, criador do programa e intérprete do personagem que deu nome à série, em seu 40º aniversário de carreira artística.

A turnê americana começará no dia 22 de abril no Akoo Theater da cidade de Chicago e terminará no Texas, com apresentações em El Paso, Laredo e McAllen, nos dias 18, 19 e 20 de maio.

"Estamos prontos, preparados e muito emocionados para começar", disse Daniel Chávez Marín, diretor do musical produzida pela empresa Televisa Consumer Products, em colaboração com Tycoon Gou Producciones e Viva Entertainment.

Na obra, o Senhor Barriga decide vender a vizinhança a um amigo de infância que, na verdade, não passa de um vigarista e Chaves e seus amigos terão que dissuadir o comprador ou todos ficarão na rua.

O musical, que estreou no Teatro Metropolitan da Cidade do México em dezembro de 2010 e que desde então chegou a quase meio milhão de espectadores, é "muito dinâmico", garantiu Marín.

São dez números musicais, com composições originais, algumas de Bolaños e outras criadas especialmente para a obra.

O diretor mexicano comentou que a produção surgiu por causa do sucesso do desenho animado inspirado nos personagens.

"Depois que o desenho animado fez tanto sucesso, levantou-se a possibilidade de um show animado ao vivo baseado na caricatura. Fazê-lo como a série original seria impossível porque precisaríamos dos atores originais", comentou Marín.

Mesmo sem os atores, os personagens estão todos lá: Chaves, Kiko, Seu Madruga, Dona Florinda, Dona Clotide e Professor Girafales, entre outros.

Ou melhor, quase todos, já que Chiquinha, interpretada na série original pela atriz María Antonieta das Nieves, não faz parte do espetáculo.

"Na realidade não tenho muito conhecimento de qual seja a razão de sua ausência. Sei que existem diferenças (entre Bolaños e María Antonieta ), mas seria muito ousado da minha parte comentar os motivos", declarou Marín.

Entre os atores, maquiadores, figurinistas e pessoal de cenografia, iluminação e áudio, são aproximadamente 40 pessoas que integram a obra teatral.

"Quando me encarregaram da direção desta obra, sempre me coloquei uma responsabilidade diferente de outros projetos que enfrentei em minha carreira. Estamos falando de um personagem que é muito querido em todo continente. É uma enorme responsabilidade", ressaltou o diretor.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Entretenimento

Topo